Bordel oferece sexo grátis em protesto contra impostos

bobel
Um bordel de Salzburgo, na Áustria, ofereceu bebidas e até programas grátis como protesto contra a cobrança de impostos. A promoção foi realizada pelo bordel Pascha.
O dono Hermann Müller, que dirige outros bordéis na Alemanha e na Áustria, disse que considera injusta a tributação de quase 4 milhões de euros (R$ 14 milhões) na última década.
Como as garotas de programa não iriam receber nada, Müller disse que compensaria o que elas normalmente ganham com os clientes.
A prostituição é legal e regulamentada na Áustria. Veja mais fotos do local:
gata de costas
gostosa

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra