Em entrevista a jornal dos EUA, Dilma diz que ‘batalhou’ por até 7 anos para evitar medidas amargas

Em entrevista ao jornal americano “The Washington Post” feita na quarta-feira, no Palácio do Planalto, e publicada em sua versão eletrônica ontem à noite, a presidente Dilma Rousseff explicou as medidas de ajuste que o Brasil está tomando para contornar a crise econômica. Dilma afirmou que o governo relutou durante sete anos em adotar medidas que causassem a redução de empregos, de oportunidades e de renda.
Segundo ela, nesse período, as medidas brasileiras funcionaram e o país não vivenciou diminuição de emprego ou renda. A presidente admitiu que o país está experimentando o fim do ciclo do “boom” das commodities (mercadorias produzidas pelo país como café, laranjas, petróleo, alumínio e minérios). Dilma também falou sobre sua queda de popularidade e disse que é preciso viver com críticas e preconceitos.

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra