Líder do PSC no Senado anuncia saída do partido da base aliada

O líder do PSC no Senado, Eduardo Amorim (SE), anunciou ontem(11) a saída do partido da base aliada do governo da presidenta Dilma Rousseff. “O partido fez uma convenção recentemente e tomou essa decisão. Já vínhamos fazendo uma oposição de fato, mas vamos continuar fazendo oposição de forma responsável e construtiva”, afirmou o senador.
Amorim disse que o país vive um momento difícil e a população está “sofrendo muito” com a crise no país. “O partido tomou essa decisão pelo caminho equivocado que o governo vem tomando, não só na economia, mas em diversas outras áreas”, afirmou o senador.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis