Tucanos costuram acordo com Temer para 2018

temer reforma
Inebriados com declarações de Michel Temer, parlamentares tucanos resolveram concentrar esforços no impeachment de Dilma na Câmara. A ideia é retirar o processo no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que pede a cassação da chapa Dilma-Temer eleita em 2014. Com apoio do PMDB, a oposição pedirá o impeachment de Dilma. Assim, Temer assumiria, mas com compromisso de abrir mão da reeleição em 2018.
MÍNIMOS DETALHES
Pela estratégia, tucanos desistirão até de desagravo ao ministro Gilmar Mendes, que pediu para investigar a gráfica VTPB na campanha do PT.
APOSTA NA CÂMARA
A oposição aposta na bancada peemedebista da Câmara, cuja maioria apoia o rompimento com o governo e tem Cunha como maior aliado.
DIFÍCIL RESISTIR
Temer disse a empresários esta semana que “é difícil” Dilma resistir até o fim do mandato com popularidade baixa, hoje em 7%.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis