Deputados do PMDB chamam reforma ministerial de “toma-lá-dá-cá”

Um grupo de 22 deputados do PMDB anunciou, ontem, um manifesto contra o que chamam de “toma-lá-dá-cá”na reforma ministerial comandada pela presidente Dilma Rousseff. Os parlamentares, que representam um terço da bancada na Câmara, dizem ser contrários à decisão do partido de assumir ministérios. Atualmente a bancada do partido na Casa conta com 66 deputados.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis