Correios ‘estão na UTI’ e terão prejuízo de R$ 900 milhões, diz presidente

correios_parnamirimO novo presidente dos Correios, Giovanni Queiroz, estima um rombo de mais de R$ 900 milhões nas contas em 2015. Será a primeira vez em 20 anos que a empresa fechará o balanço no vermelho.
Dois dias após assumir o cargo, Queiroz disse ao Estado que os Correios estão na UTI. “A situação é de emergência. Não adianta jogar para debaixo da mesa”, afirmou. “Já operei em condições precaríssimas e salvei algumas vidas com o seguinte ensinamento: o paciente chegou em coma, você não tem que pensar em anestesia. Abre a barriga dele, grampeia o polo de sangramento, e depois você cuida do resto, senão ele morre”, disse Queiroz, que é médico

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra