Juiz pego dirigindo Porsche de Eike é condenado a aposentadoria compulsória

juiz_carro
O juiz Flávio Roberto de Souza, que foi flagrado dirigindo o Porsche Cayenne branco do empresário Eike Batista, foi considerado culpado pelo Tribunal Regional Federal da 2ª Região e foi condenado à pena máxima permitida para esse tipo de caso envolvendo magistrados: aposentadoria compulsória com direitos proporcionais ao tempo de serviço. Por unanimidade, ele foi condenado pela violação do Código de Ética da Magistratura.
No início de fevereiro, a Polícia Federal apreendeu os bens de Eike Batista, incluindo carros de luxo, para garantir o pagamento de indenizações em caso de condenação do empresário por crimes contra o sistema financeiro. O juiz passou a ser o fiel depositário do carro. No final do mês, o jornal Extra publicou fotos do juiz dirigindo o Porsche Cayenne pelas ruas do Rio.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis