“Votei contra o coração, mas a favor da razão”, diz Agripino

agripino_CPMFDepois de Garibaldi Filho (PMDB), o segundo senador a votar pela manutenção da prisão de Delcídio do Amaral (PT), José Agripino (DEM) disse que o Senado viveu “a sessão constrangimento” na noite de hoje (25).
“A quarta-feira foi de semblantes carregados e nenhum sorriso. Eu votei contra o coração, mas a favor da razão. O Senado hoje se confundiu com Delcídio Amaral. E o senador Delcídio não agiu corretamente. O Senado tem que se preservar porque a instituição é maior”, disse Agripino.

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra