DEM ingressa com representação contra uso partidário do programa “A Voz do Brasil” pelo PT

a voz do brasilDiante das evidências de que o programa “A Voz do Brasil” está sendo usado de forma parcial e partidária pelo PT, o líder do Democratas na Câmara, deputado Mendonça Filho (PE) encaminhou ao Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, um pedido de representação por crime de responsabilidade contra o ministro-chefe da secretaria de Comunicação Social, Edinho da Silva.
A medida tem como base a edição veiculada no dia 4 de dezembro, quando o programa fez franca propaganda a favor do mandato da presidente Dilma Rousseff/PT, dois dias depois de a Câmara dos Deputados dar início à análise do processo de impeachment contra a mandatária.
Mendonça Filho relata que a comunicação do fato – tramitação do impeachment – foi muito além da narrativa, prestando-se, muito mais, a aduzir teses em prol da Presidente da República, sem em qualquer momento dar voz a quem pensasse de maneira diversa.
“Todas as vozes ouvidas foram a favor de uma presidente que praticou o estelionato eleitoral, praticou as pedaladas fiscais e cujos erros são sentidos por todos os brasileiros, sufocados pela inflação de dois dígitos, pelo desemprego crescente e pela falta de perspectivas”, afirmou.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis