Senado aprova repatriação de recursos de brasileiros não declarados

senado-03-560x250
O Senado aprovou nesta terça-feira, 15, o projeto que repatria recursos de brasileiros no exterior não declarados ao Fisco com mudanças na redação do texto que permitem que a presidente Dilma Rousseff faça vetos “cirúrgicos” ao texto. Num malabarismo regimental, o senador Walter Pinheiro (PT-BA), relator da proposta, apresentou 10 emendas de redação para abrir espaço para que Dilma rejeite até 14 mudanças feitas pela Câmara e restabeleça a essência do texto enviado pelo governo ao Congresso em setembro, um dos mais importantes do ajuste fiscal
As emendas de redação são mudanças feitas a um determinado projeto que não mudam o mérito do texto e, por essa razão, a proposta não precisa voltar para análise dos deputados federais. O texto seguirá agora para a sanção presidencial. O governo espera uma entrada de R$ 21 bilhões no caixa do governo em 2016, o que ajudaria o cumprimento da meta de superávit primário.

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra