Dheylla Torres da Silva é morta cinco horas após anunciar gravidez pelo Facebook

Dheylla Torres da Silva (23), residente na cidade de Peixoto de Azevedo, interior de Mato Grosso, foi morta a tiros no último sábado (10), cinco horas após anunciar através de uma rede social que estava grávida.

O criminoso, ainda não identificado pela Polícia, atirou quatro vezes contra a jovem. Dheylla foi atingida por três tiros.

Ela foi socorrida, mas morreu a caminho de um hospital do município.

O namorado da jovem (nome não revelado) encontrou a vítima em um dos quartos da casa e chegou a ver a pessoa que atirou.

Ele afirmou ao delegado que não conhecia o suspeito.

Não há informações da motivação do assassinato.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis