15 de setembro de 2007

Criminoso ambiental não vai para cadeia no Mato Grosso

O diretor da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA/Tangará) Albino de Olveira, foi "expremido" sem dó e sem piedade, ontem, pelo apresentador de televisão Sílvio Delmondes, momento em que concedia uma entrevista.

Albino procurou por todos os meios amenizar as críticas feitas pelo apresentador, sobre a ineficiencia do órgão na regional de Tangará da Serra.

Explicou, mas não convenceu a comunidade, que há muitos anos vem sendo castigada pela fumaça oriunda das queimadas criminosas no município.

A impressão que ficou, é que a SEMA, realmente, é um órgão inútil para o Estado de Mato Grosso. Não combate como deveria, os agravos praticados rotineiramente contra o meio ambiente.

No final do programa, Delmondes disparou: "Então vamos colocar fogo em tudo porque não dar porra nenhuma mesmo..."

O apresentador fez essa fala pelo fato de a SEMA, apesar de Tangará da Serra está se derretendo por causa do alto índice de queimadas, nenhuma pessoa até o presente foi presa sob acusação de crime ambiental.