4 de dezembro de 2007

Adeus Renan, já vai tarde!


O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) renunciou nesta terça-feira à presidência da Casa Legislativa. A renúncia foi anunciada no meio do julgamento do projeto de resolução que pede a cassação do mandato de Renan por quebra de decoro parlamentar.

Nesse processo, Renan é acusado de usar laranjas para comprar um grupo de comunicação em Alagoas.

"Renuncio ao mandato de presidente do Senado sem mágoas ou ressentimentos, de cabeça erguida, demonstrando mais uma vez que não usei das prerrogativas do cargo pra me defender", diz ele.

O senador Garibaldi Alves Filho (PMDB/RN) é o favorito para substituí-lo.

Fonte: Folha On-line

Grassielle Delisé é a aniversariante homenageada desta terça-feira

Funcionária do COREN e acadêmica do curso de Pedagogia, Grassielle é a homenageda do blog nesta terça-feira (04/12). A bela celebra mais uma importante data em família. Fotografada às margens da cachoeira Salto das Nuvens em Tangará da Serra. TIN TIN gente fina! Saúde e Paz!

O que o rei da soja vai conversar com O Exterminador do Futuro?


















O governador de Mato Grosso Blairo Maggi (PR) e comitiva formada por secretários de Estado, empresários e deputados mato-grossenses seguem nesta sexta-feira rumo a Bali, na Indonésia, onde participam da 13ª Conferência Mundial de Mudanças Climáticas.

Em um dos principais debates da programação, Maggi, conhecido internacionalmente pelo rótulo de rei da soja se sentará ao lado do norte-americano Arnold Schwarzenegger, governador da Califórnia, imortalizado nas telas de cinema com o filme “O Exterminador do Futuro”.

Não estou conseguindo entender qual a importância desse encontro para Mato Grosso. Mas, afinal...

Abicalil é o novo presidente do PT de Mato Grosso.

Com apoio de 3.285 filiados (56,34%), o deputado federal Carlos Abicalil derrotou a senadora Serys Marly no Processo de Eleição Direta do PT, o PED, e por isso será o futuro presidente do partido em Mato Grosso.

Em Tangará da Serra, o PT será presidido pelo professor Gilcélio.

De acordo com A Gazeta, Carlos Abicalil teria afirmado que o partido deverá assumir as contas de campanha eleitorais passadas.

Também defendeu o deputado Alexandre César, alvo de muitas críticas da gestão da senadora Serys Marly por ter deixado um rombo de aproximadamente R$ 4 milhões entre dívidas oficiais e extra-oficiais.

Sorria com a charge-oke do dia

Sorria com a charge-oke do dia

Henry dá adeus forçado à Câmara dos deputados

O jornalista Romilson Dourados (RDNews) informa em seu blog que o deputado cassado Pedro Henry (PP/MT) já limpou as gavetas e há uma semana não aparece mais em seu gabinete, que fica no 8º andar do Anexo IV da Câmara Federal, entre os gabinetes do seu colega de partido Eliene Lima e de Carlos Bezerra (PMDB/MT).

Diz que o ambiente é de abandono e desolação por parte dos assessores de Henry.

Por outro lado, o suplente Chico Daltro vive expectativa de tomar posse até esta quinta. O presidente da Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) já foi notificado do acórdão do TRE/MT.