24 de fevereiro de 2008

Fábio Junqueira no Jornal da Comunidade nesta segunda-feira

Pré-candidato a prefeito pelo Democratas, o professor e advogado tangaraense Fábio Martins Junqueira será meu entrevistado no Jornal da Comunidade - 11h30 Nova Horizonte FM - nesta segunda-feira.

Fábio tem muitas informações para a sociedade local. Na entrevista, revelará seus planos e projetos para ser o candidato oficial do DEM o quanto antes.

É o primeiro pré candidato a ser entrevistado pelo Jornal.

PR quer eleger 80 prefeitos em Mato Grosso

O presidente regional do Partido da República Moisés Sachetti trabalhará para eleger 80 prefeitos nas eleições deste ano.

Júlio César Ladeia, prefeito de Tangará da Serra, é um dos nomes que o partido quer ver reeleito para continuar administrando o município nos próximos quatros.

Ladeia e outros figurões do PR mato-grossense contam com apoio irrestrito do governador Blairo Maggi. Isso será peso positivo e decisivo no processo eleitoral vindouro.

Sachetti também acredita que o partido perderá o comando de algumas das 67 cidades que administra no Estado. É claro que ele nem de longe pode dizer quais serão esses municipios que escorregarão como sebo para mãos adversárias.

Sete deputados querem ser prefeitos no MT

Sete dos 24 deputados estaduais de Mato Grosso achando pouco a eleição para o parlamento buscarão nas eleições deste ano, as chefias executivas de seus respectivos municípios.

Para eles isso será muito cômodo uma vez que não galgando êxito no processo eleitoral retornam de imediato para seus assentos na Assembléia Legislativa.

Já posso imaginar como será o "clima" nas eleições municipais que se avizinham.

Resolução do Contran deve ser aplaudida

Vejo como positiva a nova resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que institui o tema trânsito como atividade extracurricular nas instituições de ensino médio.


Imagino até que o assunto deveria ser tratado em sala de aula visando alcançar principalmente nossas crianças.


Guardas de trânsito, placas, faixas de pedestres, sinaleiros, etc, são muito importantes para prevenção de acidentes nos centros urbanos.


Porém, isso tudo não deixa de ser ações paliativas.


Acredito que só teremos um trânsito mais seguro em nossas rodovias e cidades quando o assunto for trabalhado e conduzido pela educação.


Assim, os governos, principalmente dos municípios devem viabilizar o quanto antes a implantação em suas secretarias de Educação, de coordenadorias, superintendências, núcleos, ou coisa parecida, para o desenvolvimento do tema. Não só nas instituições de ensino, mas junto a todos os grupos e organizações sociais.


Um trabalho bem feito por pedagogos especialistas em trânsito poderia reduzir drasticamente os altos e negativos índices registrados no cotidiano de nossas rodovias e cidades brasileiras.


O que digo vale para Tangará da Serra, minha cidade. Os problemas do nosso trânsito não serão resolvidos apenas com alterações na sinalização. O assunto é bem mais sério.