15 de março de 2008

Nosso "persona non grata" que vendia diplomas

Tiago Francisco Vieira Pereira, 22. Profissão: vendedor de diplomas universitários. Imagem de sua chegada à superitendência da Polícia Federal em Cuiabá, ontem. Depois de ouvido, foi transferido para o presídio Pacoal Ramos.
Acusado residia com a família nessa confortável residência no Distrito Progresso, 12 quilômetros distantes de Tangará da Serra. A PF o predeu ainda na madrugada desta quinta-feira 14. Para saber mais, leia nesse blog.