8 de abril de 2008

A cada 12 dias um índio se suicida em Mato Grosso do Sul

O kaiowá Justino da Silva, de 22 anos, foi mais uma vítima de suicídio em Mato Grosso do Sul. Às 6 horas de ontem, Celina Gomes encontrou o filho enforcado com uma cinta.

O corpo estava dependurado na madeira que atravessa a cobertura da casinha de sapê, na aldeia Taquaperi, em Coronel Sapucaia, a 383 quilômetros de Campo Grande.

Segundo noticiou o site Midiamax, neste ano já são oito casos de suicídio indígena. A média é de uma morte a cada 12 dias. As vítimas, jovens índios na faixa etária entre 14 e 35 anos.

No caso registrado em Coronel Sapucaia, após ver o filho morto, a mãe cortou com a faca o couro do cinto e colocou o filho no chão. Leia mais aqui