24 de junho de 2008

Nosso adeus a Dona Ruth Cardoso

Morreu na noite desta terça, com 77 anos, a ex-primeira-dama do país, Ruth Cardoso, esposa do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). Ela estava em seu apartamento em São Paulo. Nesta segunda (23), havia recebido alta do hospital Sírio Libanês, onde tinha ficado internada com angina (dor no peito) e passou por um cateterismo. Ruth estava casada com FHC havia 53 anos e completaria 78 anos em 19 de setembro. Clique aqui e saiba mais em O Globo.

O charme de Jaqueline Quirino

A universitária Jaqueline Quirino está super de bem com a vida. Ela representa a beleza e o charme da mulher tangaraense. Veja mais imagens aqui

Clipe sobre o Maior São João do Mundo



Vale apena ver.

Quatro continente de olho no Diário de Tangará

América do Sul: Brasil, Argentina e Bolívia
América do Norte
Europa
Africa



Confira índice dos países que mais visitaram o blog nesta terça-feira


Brazil [60%]
Portugal [9%]
United States [9%]
Germany [5%]
Netherlands [2%]
United Kingdom [2%]
Switzerland [2%]
Italy [2%]
Norway [2%]
Spain [2%]
France [2%]
Andorra [2%]
Bolivia [2%]


Para ver o mapa mundi acesse aqui

Pré-selecionados para o Prouni devem confirmar inscrição até 4 de julho

Os selecionados em primeira chamada para receber uma bolsa do Programa Universidade para Todos (Prouni) já podem comparecer à instituição de ensino para a qual foram designados para comprovar os dados informados na inscrição. Nessa primeira etapa, mais de 72 mil bolsas foram concedidas.

O prazo para a entrega de documentos nas faculdades segue até o dia 4 de julho. Após esse período, o estudante que não comparecer à instituição perde o benefício automaticamente. A lista dos pré-selecionados está disponível no site do Ministério da Educação (MEC) desde quarta-feira (18).

A segunda chamada para as vagas que não forem preenchidas será divulgada no dia 14 de julho. Mais uma chance será oferecida no dia 24 de julho, quando o MEC divulga a relação dos pré-selecionados em terceira chamada.

Apresentador de TV preso por manter relações sexuais com menina de 13 anos

Para coibir a prática de crimes sexuais como a prostituição infantil, abuso sexual e pedofilia, a Polícia Civil de Marcelândia (MT) desencadeou na segunda-feira (23.06) a operação “Babi”, que culminou na prisão de José Raimundo Rocha Souza, 37 anos, acusado de ter violentado uma menina de apenas 11 anos. O crime ocorreu em 10 de maio de 2008.

Também foi detido Mauro Fonseca, 21, por manter relação sexual com uma menor de 13 anos duas vezes, sendo a primeira em maio deste ano e a outra na semana passada. Mauro é apresentador de um programa de televisão local e radialista.

A operação contou com apoio de policiais civis da delegacia local e da cidade de Cláudia (MT).

Menina de 11 anos abusada sexualmente por palhaço

A Polícia Militar prendeu ontem, em Várzea Grande (MT), um homem que trabalha como palhaço de rodeio na Exposição Agropecuária de Poconé (MT), acusado de estuprar uma menina de 11 anos de idade.

De acordo com a polícia, o crime aconteceu na noite do evento e foi denunciado pelo pai da vítima. A menina estava auxiliando seu pai que trabalhava na exposição vendendo lanches. A menina foi chamada para ir até o carro do suspeito e lá, segundo a PM, o homem abusou dela.

A PM prendeu o acusado dormindo num hotel de Várzea Grande. À polícia, o homem confessou o crime e foi levado preso para a Delegacia de Poconé. Já a menor passou por exame médico que confirmou o ato sexual.

Capes abre inscrições para bolsas na França

Até 30 de junho, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) recebe inscrições para o Programa Colégio Doutoral Franco Brasileiro.


O objetivo é promover o intercâmbio de doutorandos brasileiros e franceses, ambos matriculados em Instituições de Ensino Superior brasileiras e Instituições membros do consórcio francês, em regime de co-tutela ou co-orientação, que visa a formação de recursos humanos de alto nível no Brasil e França, nas diversas áreas do conhecimento.

Para participar é necessário estar matriculado em curso de doutorado no Brasil, ter completado um total de créditos compatível com o programa de estudos e o projeto de pesquisa a ser desenvolvido na instituição de destino, ter dedicação integral as atividades acadêmicas, não ter recebido bolsa da Capes ou de outras agências entre outros requisitos.

O programa tem duração de 12 a 24 meses e conta com auxílio instalação de 100 euros por mês, pagos de uma única vez, no Brasil, seguro - saúde no valor de 70 euros, passagem aérea internacional de ida e volta em classe econômica promocional, além do valor da mensalidade de 1.100 euros para o bolsista.

Mais informações e inscrições pelo site do programa. Os selecionados serão informados a partir de setembro de 2008 por meio de cartas. As atividades na França iniciam em outubro. (Site Universia)

Charge do Dia

Charge de Humberto do Jornal do Commercio. Sai da frente...

PE: curso funciona sem autorização do MEC

A Advocacia Geral da União ingressou reclamação para suspender as matrículas ou outros atos para a implementação do curso de medicina de uma faculdade em Pernambuco.

A Faculdade de Medicina de Garanhuns (Fameg), a AGU quer suspender decisão do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (Recife), que mandou prosseguir o vestibular, mesmo com o curso não tendo recebido autorização do Ministério da Educação.

O TRF considerou suficiente parecer do Conselho Estadual de Educação de Pernambuco, que permitiu a oferta do curso.

Na reclamação, a AGU sustenta que o desembargador usurpou prerrogativa do STF para julgar conflito entre a União e Estados. (Com informações do Consultor Jurídico)

Minc afirma que boi pirata vai virar “churrasquinho do Fome Zero”

O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, divulgou nesta quarta-feira (24), a apreensão de 3,1 mil cabeças de gado em uma fazenda instalada dentro de uma estação ecológica na Terra do Meio, na região próxima ao município de São Félix do Xingu (PA).

Durante a entrevista o ministro afirmou que quem não respeitar a lei terá o boi transformado em “churrasquinho do Fome Zero”, fazendo referência a destinação do dinheiro a ser angariado com o leilão dos animais, além disso os recursos também devem ser destinados as operações de fiscalização.

O leilão ainda depende de procedimentos judiciais, e, segundo Minc, deve ser realizado em três semanas. A apreensão ocorreu no último dia 7 e foi a primeira da chamada Operação Boi Pirata, que pretende coibir a criação de gado em áreas de preservação na Amazônia. JPM

Brasil é o terceiro maior país em crescimento de milionários

O Brasil foi o terceiro país do mundo que registrou o maior crescimento do número de pessoas que possuem patrimônio de pelo menos US$ 1 milhão em 2007.

O número de pessoas que possuem grandes fortunas no País subiu de 120 mil em 2006 para 143 mil, uma expansão de 19,16%. Este é o resultado do "12º Relatório Anual sobre a Riqueza Mundial" realizado pela Merrill Lynch e CapGemini.

De acordo com o estudo, as condições do Brasil foram impulsionadas pela expansão da economia de 5,4%, aumento dos investimentos das empresas, incremento do mercado de capitais e o fortalecimento da produção agrícola. (Com informações da Agência Estado)

PL prevê que condutor deve ser treinado em rodovias

O Projeto de Lei 2954/08 inclui entre as normas relativas à aprendizagem para conduzir veículos automotores previstas no Código de Trânsito Brasileiro a exigência de treinamento específico para dirigir em rodovias, inclusive à noite, num total de cinco horas-aula.

De acordo com o autor do projeto, deputado federal Alexandre Silveira (PPS-MG), estudos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) mostram que 69,2% dos acidentes ocorrem na primeira hora da circulação em rodovia.

O parlamentar acrescenta que os dados da PRF relativos a 2007 revelam a ocorrência de 122.985 acidentes de trânsito nos 61 mil quilômetros de extensão das rodovias federais, dos quais teriam resultado 6.840 vítimas fatais e 75.006 feridos.

Os custos desses acidentes para o País foram estimados em R$ 10,6 bilhões, com base nos estudos do Instituto de Pesquisa Aplicada (Ipea) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). (Com informações da Agência Câmara)

PL prevê que condutor deve ser treinado em rodovias

O Projeto de Lei 2954/08 inclui entre as normas relativas à aprendizagem para conduzir veículos automotores previstas no Código de Trânsito Brasileiro a exigência de treinamento específico para dirigir em rodovias, inclusive à noite, num total de cinco horas-aula.




De acordo com o autor do projeto, deputado federal Alexandre Silveira (PPS-MG), estudos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) mostram que 69,2% dos acidentes ocorrem na primeira hora da circulação em rodovia.




O parlamentar acrescenta que os dados da PRF relativos a 2007 revelam a ocorrência de 122.985 acidentes de trânsito nos 61 mil quilômetros de extensão das rodovias federais, dos quais teriam resultado 6.840 vítimas fatais e 75.006 feridos.




Os custos desses acidentes para o País foram estimados em R$ 10,6 bilhões, com base nos estudos do Instituto de Pesquisa Aplicada (Ipea) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). (Com informações da Agência Câmara)

Técnicos do Ibama também podem aplicar multa

A Primeira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) definiu que os técnicos, servidores do nível médio, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), também têm competência para aplicar multas em crimes contra o meio ambiente. A decisão foi unânime entre os ministros.

O proprietário rural G.V. impetrou mandado de segurança contra o Ibama para anular um auto de infração emitido por técnico do Instituto em novembro de 2005.

O auto de infração foi decorrente da apreensão de 86 envelopes de agrotóxicos fora das especificações, originários do Paraguai.

Ao julgar o caso, o Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região afirmou que o auto ocorreu antes da Lei n. 11.357, de 2006, que ampliou os poderes dos técnicos ambientais (nível médio), para que eles tivessem poder de polícia ambiental.

Além disso, a Lei n. 10.410, de 2002, teria posto a função da emissão de multas como típica dos cargos de analistas, de nível superior, e não de técnicos. No entendimento do TRF, o técnico não teria competência para ter aplicado a multa em G.V. JPM