23 de outubro de 2008

Preço da difamação

Abandonados inconsóláveis que pensam em difamar as "ex" via internet devem tomar cuidado com o bolso.

O Superior Tribunal de Justiça recusou julgar recurso especial pedido por um dentista de Porto Alegre (RS) condenado por divulgar mensagens eletrônicas com o e-mail de uma ex-namorada, jovem dentista, como uma “garota de programa”.

Com a decisãodo STJ, fica mantido acórdão do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) que o condenou a pagar indenização por danos morais no valor R$ 30 mil.

A decisão é do juiz convocado Carlos Fernando Mathias. Atualizada e com juros. a conta da vingança chega neste mês de outubro a R$ 44.692,66.

Preço da difamação 2

Como muita gente, o dentista gaúcho achava que poderia se esconder no anonimato da Internet.

Porém, em ação cautelar de exibição de documentos movida contra provedores das mensagens, a mulher descobriu que o correio eletrônico pelo qual foram enviados os e-mails pertencia ao ex-namorado dela e que a assinatura do provimento da internet pertencia ao irmão deste.

A partir daí, requereu a condenação de ambos ao pagamento de indenização pelos danos morais sofridos. O processo não corre sob sigilo de justiça.

Por isso, além do prejuízo financeiro, quem saiu difamado foi o dentista com seu nome exposto em sites jurídicos.

Jornal da Comunidade entrevista presidente da Câmara de Tangará

Presidente da Câmara Municipal de Tangará da Serra, o vereador Celso Vieira (PP), será o entrevista do Jornal da Comunidade – 12h, na Nova Horizonte FM (98.9).

Imperdível a análise política que será feita pelo vereador sobre o pleito de cinco de outubro e as expectativas para o próximo governo municipal.

Hoje, 12h.

Qual a sua opinião sobre o horário de verão?

O blog gostaria de saber o que você acha do horário de verão. Bom? Ruim? Quem sai lucrando e quem sai perdendo? Responda no "Comentários". Seu texto virá em seguinda para está página principal.

'Dobradinha' Maggi e Riva não amedronta Serys

A senadora Serys Slhessarenko (PT/MT) afirmou nesta quarta (22) durante o encontro regional do PR realizado na Fiemtec em Cuiabá, que seu projeto de reeleição não fica comprometido sem o apoio do governador Blairo Maggi (PR). Disse isso pelo fato de Maggi ter convidado recentemente o deputado estadual José Riva (PP) para uma ‘dobradinha’ na disputa ao Senado em 2010, quando serão abertas duas vagas. A senadora lembrou que se elegeu em 2002 sem alianças com outros candidatos. Para um bom entendedor...

TRE já cassou 172 por infidelidade partidária em MT

Nove vereadores perderam seus mandatos por infidelidade partidária, na sessão plenária da última terça (21).

Com as cassações, sobe para 172 o total de parlamentares infiéis que já perderam os cargos por determinação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Por unanimidade de voto, o Pleno decretou a perda dos mandatos dos vereadores Wellington Marques Gusmão (PP), de Acorizal; Maria de Souza Oliveira (PP), de Dom Aquino; Raimundo Dantas de Souza Filho (PSB), de Lucas do Rio Verde; Gonçalo da Silva Taques (PMDB), de Barão de Melgaço; Donato Claro Leite (PP), de Acorizal; Mauro Sérgio Garcia (PMDB), de Sinop; Roberto Silva Pires (PMDB), de Jaciara; José de Oliveira Miranda, do PTB de Arenápolis; e, por maioria, de quatro a votos a dois, Sérgio de Andrade, do PP de Ipiranga do Norte.