26 de fevereiro de 2009

Reprovação de projeto deixa prefeito chateado

Contaram-me hoje que o prefeito de Tangará da Serra, Júlio César Ladeia (PR) viajou pela manhã para Cuiabá, de onde retornará segunda-feira, dia 02, "P... da vida" com os que votaram contra o projeto de concessão do Terminal Rodoviário, na sessão da Câmara, ontem, à noite.

Com esee, somam-se dois projetos do Executivo reprovados pelo Legislativo apenas neste mês. O outro é da permissão para repassar para a ACTIS dinheiro para realização do Carnaval.

O bicho vai pegar mesmo quando estampada for a manchete: “Câmara reprova projeto para reestruturação administrativa do Executivo Municipal”.

Deus nos acuda.

Se o prefeito já está bravo com a reprovação desses pequenos projetos, imagina como ficará, caso a Câmara diga não para o grande Projeto!

O trem vai pegar fogo.

NOTA DO BLOG: Calma prefeito. Num país democrático nem sempre as coisas saem como a gente quer. O voto tem duas faces. Uma que agrada e outra não.

Míriam Leitão diz que o Brasil está a beira de um colapso financeiro e o Itaú lucrou 7,8 bilhões

A Jornalista Míria Leitão já disse diversas vezes que o Brasil está em crise e que a culpa é de Lula.

Hoje, o Itaú divulgou o lucro que teve em 2008 especulando e cobrando taxas abusivas e absurdas dos brasileiros: R$ 7,803 bilhões.

Mas Míria Leitão não perdeu o pique. Lamentou que o Itaú tenha lucrado menos do que em 2007, quando lucrou R$ 8,474 bilhões.

Aliás, em 2007, o lucro do Itaú foi o dobro de 2006, que havia sido de R$ 4,309 bilhões.

Nota do Blog I: Estou em dúvida: Quem está em crise, se é o Brasil ou Míriam Leitão.

Nota do Blog II: Vou dormir preocupado com os donos do Itaú. Estou até pensando em pedir ajuda para ajudar aos donos do Itaú a fazer a feira no final de semana.

Nota do Blog III: Pode esperar que o Bradesco e o Banco do Brasil, também explorando seus clientes, vão anunciar lucros bilionários.

Frei Betto diz que Bolsa Família serve à compra de votos

"É um governo que lamentavelmente na sua trajetória mudou a rota. Deixou de lado um projeto de Brasil, por um projeto de poder, a ponto de fazer hoje uma coligação de 14 a 16 partidos em função de um horizonte de poder e não um horizonte de Brasil”.

Essa a visão do Frei Betto, ex-integrante do governo do presidente Lula (PT), sobre a gestão petista. Em sua ótica, a principal distorção é quanto à política social, que fez do Bolsa Família "um manancial de votos".

- Melhor manter as famílias dependentes permanentemente do governo, que elas vão retribuir em votos. Daí se matou o Fome Zero e se valorizou o Bolsa Família - diz.

NOTA DO BLOG: Veja abaixo no link dessa entrevista, na íntegra, a profundidade e lucidez das palavras de Frei Betto, um dos mais importantes intelectuais do Brasil contemporâneo. Além de insuspeito na abordagem que faz, ele tem conhecimento de causa, pois participou diretamente do planejamento do Fome Zero. Veja AQUI.

Município esclarece acusações de falhas no projeto de lei para concessão da rodoviária

Por Nelli Tirelli

Diante da reprovação do projeto de lei número 005/GP/2009, que autoriza a concessão do terminal rodoviário de Tangará da Serra e da acusação por parte de alguns vereadores de que estariam faltando emendas solicitadas pelos legisladores quando discutiram o projeto pela primeira vez, o Município esclarece que não houve falhas por parte do Executivo Municipal.

Todos os documentos solicitados pelos vereadores, inclusive as alterações propostas por eles foram feitas no projeto, bem como todas as informações necessárias, o que significa que a rejeição do projeto não se deu em razão de falhas do executivo e sim por outros motivos.”, disse Dr. Gustavo Porto Franco Piola, assessor jurídico do Município, que esclarece ainda, que se reuniu juntamente com os vereadores, assessores jurídicos da Câmara Municipal e demais assessores jurídicos do Município para se esclarecer dúvidas sobre o projeto.

Durante essa reunião, nós acatamos as emendas propostas por eles e esclarecemos a importância desse projeto ser aprovado por eles, visto que o terminal rodoviário hoje gera despesas desnecessárias para o município e com a concessão, o local passaria a gerar renda, além de que seria transformado e reformado totalmente.”, explicou Piola.

Rádio Pioneira inicia nova programação

A Rádio Pioneira de Tangará da Serra inicia sua nova programação a partir da próxima segunda-feira, dia 02.

Parece-me que com novos apresentadores, repórteres e tudo mais.

Em 16 de abril termina prazo para justificativa de voto

O prazo para justificar a ausência nas últimas três eleições vai até o dia 16 de abril.

Segundo o TSE (Tribunal Superior Eleitoral), 582.528 eleitores que não votaram nem justificaram a ausência nas três últimas eleições poderão perder o título se não regularizarem sua situação.

O tribunal informou que o número de eleitores que faltaram nas três últimas eleições representa 0,44% dos 130.604.430 eleitores do país.

Número de cheques pré-datados cresce 0,30%

O número de cheques pré-datados aumentou 0,30% no primeiro mês de 2009, na comparação com o mesmo período de 2007, revela estudo da TeleCheque divulgado nesta quinta-feira (26).Isso porque o volume de folhas pré-datadas emitidas alcançou 79,92% do total transacionado em janeiro.

De acordo com o vice-presidente da TeleCheque, José Antônio Praxedes Neto, "como o país sofreu uma redução na oferta de crédito, o varejista continua apostando no cheque como uma opção vantajosa de vender mais e, ainda, proporcionar aos clientes facilidades de prazo e parcelamentos."

Assim penso...

O verdadeiro amor não traz consigo sofrimento, egoísmo, ciúmes ou orgulho. Amar é dar o melhor de si pela pessoa amada, sem necessidade de propriedade ou retribuições. Quem ama confia, respeita e perdoa.

Barbosa Filho

Prefeitos de grandes cidades de MT enfrentam riscos de perder cargos

Nesta quinta-feira, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) decidirá a sorte de Wanderley Farias como prefeito de Barra do Garças, cidades distante 500 quilômetros de Cuiabá, na divisa com Goiás. Pode ser cassado por falhar em aspectos legais.

Adversários como o ex-prefeito Zózimo Chaparral, do PCdoB, e Maria de Carvalho, a “Dona Maria do Mercado”, acusam o prefeito de ter infringido a norma que estabelece prazo para substituição do candidato a vice.

Até aqui, com o voto pela cassação da juíza-relatora Maria Abadia, dois membros já se posicionaram pela cassação do registro de Farias, a própria relatora e o desembargador Manoel Ornellas. Leia mais AQUI

Diário de Cuiabá: Deputado copia projeto sobre banco de dados

A Assembleia Legislativa pode ampliar a prestação de serviços à sociedade mato-grossense.

O deputado Wagner Ramos (PR) propôs à Mesa Diretora da Casa a criação de um link no site da AL com o tema “Espaço Emprego”.

A intenção do parlamentar é a de que o Legislativo estadual forneça gratuitamente – à sociedade – uma linha direta entre aqueles que procuram emprego e os empregadores, com a disponibilização de um banco de dados referentes ao mercado de trabalho, voltados para a oferta de vagas.

Wagner Ramos buscou o modelo de sua proposta no estado de São Paulo. “Lá, o governo criou em seu site oficial o portal “Emprega São Paulo”. As informações são da Secretaria de Comunicação da AL.

NOTA DO BLOG: Prezado amigo Wagner para com isso.

Rodoviária: vereadores reprovam projeto de lei do executivo

O projeto de concessão do terminal rodoviário de Tangará da Serra para gerência da iniciativa privada, foi pro "pau" ontem, à noite.

A maioria dos vereadores entendeu que o Executivo não deu importância para as emendas apresentadas na sessão ordinária realizada dia 16.

Por esse e outros motivos seis parlamentares votaram contra o projeto de Lei 005/GP/2009. Eles: Roque Fritzen (PDT), Luiz Henrique (PTB(, Celso Ferreira (DEM), Zedeca (PMDB), Haroldo Lima (DEM) e Miguel Romanhuk (DEM).

Votaram favoravelmente: João Negão (PMDB), Paulo Porfírio (PR) e Genílson Kezomae (PR).

O presidente José Pereira Filho (PT) não teve necessidade de votar.

NOTA DO BLOG: Essa demonstração de força e independência do parlamento municipal, apenas torna mais claro o que já sabemos: o prefeito Júlio César Ladeia (PR), ainda não dispõe de uma coesa bancada na Câmara.