27 de fevereiro de 2009

Vânia Ladeia deverá assumir cadeira na Câmara


A ex-vereadora Vânia Regina Ladeia Trettel (PR) deverá retornar à Câmara de Vereadores em breve e, não seguir para a chefia da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, como cheguei a documentar nesta página.

O caminho para ela assumir uma cadeira no parlamento já foi aberto com a nomeação do primeiro-suplente de vereador do Partido da República, Wellington Bezerra, para a Secretaria Municipal de Esportes.

Com esse ato, o prefeito Júlio César Ladeia (PR), colocou Vânia Ladeia na primeira suplência.

O passo seguinte será a possível exoneração do engenheiro Francisco Clemente (PTB) da Secretaria Municipal de Infraestrura.

E como para ocupar a Sinfra, deverá ser nomeado mais uma vez o vereador e líder do prefeito na Câmara, Paulo Porfírio (PR), a cadeira para Vânia Ladeia fica garantida.

É claro que tudo isso ainda é apenas uma hipótese. Que poderá se tornar realidade.

Vânia Ladeia no parlamento municipal seria muito mais eficaz para o poder executivo que todos os veradores que hoje se dizem da base aliada.

Será fiel escudeira do prefeito. uma militante por 24 horas sem parar sequer para um mais suave fôlego.

Assim pensa o blogueiro.

Quem deve ser beneficiado é o cidadão

A sociedade não espera ver embates e brigas sem fundamento entre Executivo e Câmara de Vereadores de Tangará da Serra.

Mas espera que haja bom senso e transparência em todo e qualquer assunto que couber aos dois poderes resolver.

Sem birras. Sem medição de forças.

Queremos que haja entendimento entre os poderes, mas sem patrolamento do que é lícito, legal e moral.

O respeito deve ser mútuo e contínuo. E a ciência deve ser a de que todos os benefícios devam ser canalizados para o cidadão.

Prefeitura não manda em Câmara de Vereadores e vice-versa.

Um poder depende do outro para realizar o melhor em prol do cidadão, foco principal de um governo.

Se um começar a puxar sardinhas apenas pro seu lado, as redes do entendimento serão rompidas, e os prejuízos podem ser incalculáveis.

Penso que Executivo e Câmara de Vereadores precisam se reunir mais vezes, para, olho no olho discutir os detalhes dos assuntos de interesse social.

Câmara nenhuma pode ter apenas o papel de uma agência homologadora dos projetos de interesse do Executivo.

Precisa homologar sim, o que é de interesse da sociedade. Pelo menos é o que tenho pensado.

Agência homologadora, nem pensar

A Câmara de Tangará da Serra, em sua nova legislatura, mostra que não cumprirá o simples papel de agência homologadora.

Excelente.

PF combate comércio de peixes em reserva indígena de Barra do Bugres

A Polícia Federal desencadeou hoje, 27, uma operação que visa reprimir o comércio ilegal de peixes na reserva Indígena Umutina durante o período da piracema, no município de Barra do Bugres (MT).

Estão sendo cumpridos 13 Mandados de Prisão e 15 de Busca e Apreensão.

A investigação começou a partir de dezenas de flagrantes e relatórios de fiscalização da Sema .

Segundo registros os Umutina vem comercializando peixes no período da piracema há pelo menos 14 anos.

Estima-se que tenham sido comercializados por ano, só no período da piracema, entre 80 a 100 toneladas de peixes.

O quilo do peixe era vendido pelos Umutina com preços muito abaixo mercado valores entre R$ 1,00 e R$ 3,00; e revendido pelos atravessadores a estabelecimentos comerciais por cerca de R$ 17,00.

Gol vai pagar R$ 46 milhões de indenização às vítimas de acidente, em MT

A Gol Linhas Aéreas fechou um acordo para pagamento de R$ 46 milhões a 45 famílias de vítimas do acidente com o voo 1907. O acidente ocorreu em setembro de 2006 no extremo Norte de Mato Grosso e resultou na morte de 154 pessoas. As informações são da Folha de S. Paulo.

Segundo o escritório Leonardo Amarante e Advogados Associados, o acordo é um dos maiores já fechados nesta área. A negociação foi feita em conjunto. Sete famílias já receberam R$ 11 milhões em indenização.

Os primeiros acordos foram homologados no fim de dezembro e começaram a ser pagos na primeira semana de fevereiro. Os acordos das demais famílias estão entre a fase de homologação e assinatura.

O valor da indenização varia de acordo com aspectos como idade da vítima, salário que recebia e o grau de instrução. Na prática, a remuneração recebida pela vítima e a sua expectativa de vida útil são cruciais.

Ainda de acordo com o jornal, a empresa afirma que já fez acordos com familiares de 106 dos 154 passageiros do voo 1907. A companhia diz que não divulga valores em atendimento a uma solicitação de confidencialidade feita pelas famílias.

Defensoria em Barra do Garças promove ação especial no Dia da Mulher

Observando a necessidade de proporcionar à Mulher um dia diferenciado de atendimento na defesa de seus direitos, a Defensoria Pública de Barra do Garças promove uma ação especial nos dias 6, 7 e 8 de março.

No dia 08 de março comemora-se o Dia Internacional da Mulher, e no dia 25, do mesmo mês, o Dia Internacional da Pessoa Detenta.

Com foco nestas datas, a ação objetiva ampliar cada vez mais o atendimento da Defensoria Pública, promover interação entre a população e Defensores, mostrar os trabalhos realizados no município e proporcionar às pessoas carentes soluções para resolver seus problemas jurídicos.

Impasse do terminal rodoviário precisa ser resolvido

Por Fernando Ambrósio

A Assessoria jurídica da prefeitura, através do procurador, mestre Dr. Gustavo (meu ex-professor), é muito competente.

Aliás, o conhecimento jurídico em direito administrativo e municipal deste profissional é inquestionável!

Será que essas emendas propostas não mostram a fragilidade de informação jurídica de alguns nobres vereadores?

É difícil opinar concretamente sem analisar a fundo o projeto, mas acho que o impasse do terminal rodoviário tem que ser resolvido o quanto antes.

A população não aguenta mais conviver com tanta violência produzida pelos "habitantes" do referido local.

É impressionante o movimento do comércio de drogas e de prostituição naquela região! Porque ninguém combate essa prática, que se consuma rotineiramente aos olhos das autoridades competentes?

Assim penso...

Na realidade, talvez não exista nenhuma de nossas paixões naturais tão difícil de subjugar como o orgulho. Disfarce-o, lute com ele, derrube-o, sufoque-o, humilhe-o tanto quanto desejar, e ele ainda está vivo, e aparecerá de vez em quando e se mostrará.

Benjamin Franklin