Postagens

Mostrando postagens de Março 31, 2009

Jovens especiais da APAE prestam homenagem a nordestinos aniversariantes

No sabádo, 28 de março, um grupo de jovens especiais da APAE de Tangará da Serra, prestou grande homenagem aos associados aniversariantes do Centro de Tradicões Nordestinas - CTN Gonzagão. O blogueiro foi um dos homenageados. Veja vídeo...

STJ julga hoje exigência ou não do diploma de jornalismo

Imagem
(Adriana Vandoni) Hoje o STF julga a exigência ou não do diploma de jornalismo para o exercício da profissão. Uma luta meio equivocada, em minha opinião, não pela exigência em si, mas pelos argumentos para a exigência. Vamos entender direitinho os argumentos do movimento pró-diploma (clique na imagem para ver o folder da campanha). Leia mais AQUI
Imagem

Juara, vamos ver se hoje vai

Imagem
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) retoma hoje, a partir das 18h30, o julgamento dos processos que podem custar o mandato do prefeito de Juara, Alcir Paulino (PP - foto). Ele teve o registro da candidatura cassado e foi diplomado graças ao recurso concedido pela juíza Maria Abadia Pereira de Souza Aguiar. O pleno do TRE vai julgar dois recursos que podem complicar a vida de Alcir, afilhado político do presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Riva (também do PP). Primeiro, o pedido do procurador regional eleitoral Thiago Lemos de Andrade para que seja cassada a liminar que garante o exercício do mandato ao prefeito ( leia aqui ). Depois, o pedido de Alcir para que seja dado efeito suspensivo à cassação do seu mandato por abuso de poder econômico. O prefeito perdeu o registro da candidatura por decisão do juiz Douglas Bernardes Romão, que cassou ainda o vice Roberto Sachetti (PR). A alegação é de que ambos teriam sido beneficiados pela doação de 300 metros de madeira à Es

Incidência de HIV entre presos

A incidência de HIV na população carcerária brasileira pode ser até dez vezes maior do que na população em geral, em que pelo menos 0,6% das pessoas estão infectadas. Os dados foram divulgados hoje (31) durante a 1ª Consulta Nacional sobre HIV e Aids no Sistema Penitenciário. A diretora do Programa Nacional de DST e Aids do Ministério da Saúde, Mariângela Simão, citou o exemplo de um presídio em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, que chegou a registrar infecção por HIV em 5,6% dos detentos.

Seduc inicia implantação de 17 novos Cejas em MT

Já foi oficializada a criação de três dos 17 novos Centros de Educação de Jovens e Adultos (Cejas) que a Seduc/MT deve colocar em funcionamento este ano. Agora, em março, foram publicados os decretos de criação dos Cejas de Lucas do Rio Verde, Nova Mutum e Sinop. Até o início do ano, o estado contava com seis destas unidades, sendo quatro em Cuiabá, uma em Várzea Grande e outra em Juina.
Imagem

Professores definem datas de mobilização pela implantação do Piso Nacional do Magistério Público

A Comissão de Educação e Cultura (CEC) da Câmara dos Deputados e a Frente Parlamentar em Defesa do Piso dos Professores realizam nesta quinta-feira(2), às 9h, no Plenário 10 da Câmara dos Deputados, uma audiência pública para analisar a implementação do Piso Salarial Profissional do Magistério Público no Brasil. Leia mais no Tangará Repórter

ATI vai botar pressão para vinda do curso de Jornalismo

Imagem
A Associação Tangaraense de Imprensa - ATI vai botar pressão na classe política local e estadual para que o curso superior de Comunicação Social (Jornalismo) venha para o Município. Nossa categoria não está de brincadeira. E muitos menos, ficará de braços cruzados esperando que assunto tão importante como este seja empurrado pela barriga e fique só em promessas. E que fique claro: se o curso não vier pela Unemat, que venha por meio da Universidade Federal de Mato Grosso, ou mesmo por meio de uma instituição privada. Mas, tem que vir. Nós precisamos.

A quem interessar possa

"As únicas pessoas que nunca fracassam são as que nunca tentam".

Confirmado: Blairo será candidato ao Senado

O governador Blairo Maggi (PR) oficializou ontem aos líderes do seu partido a sua candidatura ao Senado da República na eleição de 2010. Essa foi a principal definição da reunião, realizada no Palácio Paiaguás, entre o chefe do Executivo estadual e representantes da bancada republicana da Câmara Federal e da Assembléia Legislativa. A posição de Maggi, de retomar as rédeas do partido no Estado, surge também como estratégia para minar os descontentamentos internos além de frear as investidas de partidos como o DEM, que concentra as atenções na candidatura do senador Jayme Campos para o governo do Estado.
Imagem

Concessão da rodoviária recebe parecer contrário

O parecer da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final da Câmara de Vereadores foi contrário ao projeto que visa a privatização do terminal rodoviário de Tangará da Serra. Por conta dessa posição, o assunto, lavra do Executivo, segue para discussão em audiência pública, marcada para 24 de abril no Centro Cultural.

Efeito "Marolinha" III

BC prevê desemprego nos próximos meses O desemprego deve aumentar neste trimestre e nos próximos meses, por causa dos efeitos da crise financeira internacional no Brasil e de características típicas (sazonalidades) desta época do ano. A avaliação consta do Relatório Trimestral de Inflação, divulgada ontem (30) pelo Banco Central (BC).

Crise econômica afeta o turismo

O Ministério do Turismo foi a pasta mais afetada pelo corte de R$ 21,6 bilhões no OGU. Segundo os números publicados ontem pelo Diário Oficial da União, o ministério teve 86,39% da verba bloqueada. Dos R$ 2,98 bilhões previstos no orçamento, a pasta contará com R$ 405,7 milhões. Em segundo, vem o Ministério dos Esportes, que teve corte de 85,69%. A verba disponível passou de R$ 1,37 bilhão para R$ 196,8 milhões. Em terceiro lugar, está o Ministério da Agricultura, cujos recursos foram reduzidos de R$ 2,22 bilhões para R$ 1,16 bilhão.
Imagem

Estamos pebados

Os economistas asseveram que a maior crise mundial vivida até então foi a de 1929. A chamada depressão econômica. Oitenta anos após, neste 2009, uma crise econômica mundial se instalou e, na avaliação de acreditados economistas, está de hoje é muito mais grave do que aquela de 80 anos passados.

Uma página negra da nossa história

31 de março de 1964 - esta data ficou marcada de maneira indelével na memória de todos os brasileiros. Mas, longe de haver motivos para comemorações, aquela data assinalou a passagem de uma página negra da nossa história. E, ao relembrá-la, hoje, nós devemos estar exatamente envolvidos no relato dos fatos históricos. Um movimento político-militar foi deflagrado nessa data há 45 anos, visando depor o presidente da República de então, João Goulart. E sua vitória acarretou profundas modificações na organização política do Brasil, bem como na vida econômica e social deste país. Foi um período que durou 21 anos e que foi assinalado pelo autoritarismo, supressão dos direitos constitucionais, perseguição política e militar, prisão e tortura dos opositores ao regime e, principalmente, pela censura prévia aos meios de comunicação. Nesse ínterim, tivemos o chamado AI-5 ou Ato Institucional número 5, que foi o mais cruel dos atos institucionais. Bom, isso foi apenas um dos ingredientes resulta

A PEC não morreu

É grande nos bastidores a movimentação dos suplentes de vereador em todo Brasil, trabalhando junto aos seus pares para fazer valer a bendita Pec dos Vereadores. É aguardar. Caso seja aprovada, Tangará da Serra terá acrescimo de 50% em seu quadro parlamentar.
Imagem

Queimação de lenha

Até 2010 chegar, a pisada é essa. Conversa destoada aqui, acerto acolá e, nessa valsa, todo mundo vai queimando lenha, como diria o folclórico Manoel Ladeira. Isso, até que as devidas acomodações sejam feitas.

Polícia registra avanço no combate à criminalidade

A polícia vem lutando contra a insegurança em Tangará da Serra e região, conseguindo alguns feitos, apesar das dificuldades encontradas. Mas já se pode dizer que o trabalho registra avanço. Atenuante.

Dilma não tem projetos para o Brasil, diz Ciro

Imagem
Presidenciável assumido, o deputado Ciro Gomes (PSB-CE) acusou a ministra Dilma Rousseff, a favorita do presidente Lula na disputa de 2010, de falta de projeto. Em entrevista à revista "IstoÉ", Ciro, que já foi ministro do governo do PT, criticou o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e disse que a popularidade de Lula vai cair "consistentemente". "Eu diria que a Dilma não tem projeto", disse Ciro. "Advogo que a gente tem de discutir projetos. Uma mera luta pelo poder, sem nenhum conteúdo, fará muito mal ao Brasil. Trata-se de quê? De voltar à hegemonia do PSDB-PFL [atual DEM] ou garantir a presença do PT a qualquer preço, a qualquer circunstância?", questionou. Na última pesquisa Datafolha, de março, Ciro atingiu 16% das intenções de voto no cenário em que concorrem José Serra (PSDB), que teve 41%, e Dilma, 11% --mesmo percentual de Heloísa Helena (PSOL). Com Aécio Neves (PSDB), Ciro foi a 25%, contra 17% de Heloísa, 17% do mineiro