8 de abril de 2009

O bom exemplo de cordialidade que vem de Nova Mutum

No Dia do Jornalista - 7 de abril - o belo cartão com a linda mensagem que vem da Câmara Municipal de Nova Mutum (MT).

Em Tangará da Serra, os vereadores sequer tocaram no assunto por ocasião da última sessão, segunda-feira (06).

E isso é porque a Câmara tem quase que diariamente espaço nas rádios, TVs, jornais, sites, blogs, colunas sociais, etc.

A Câmara de Tangará da Serra poderia ser mais um pouquinho agradecida pelo que os profissionais de Imprensa desta cidade, fazem pela sua boa imagem.

Sem mais comentários.

Relaxando e gozando em meio à crise

Nesses tempos de crise, nem tudo está em baixa.

No vaivém de prefeitos e outras lideranças ao Distrito Federal, há tempo também para relaxar e gozar. Literalmente.

Os frequentadores da Casa Laranja, em Samambaia, podem - ou não - atestar isso.

Como diziam os mais antigos, trata-se de uma "casa de recurso".

Ah, bom!

Cenário de rally nas ruas de Tangará da Serra

Inadmissível o cenário de estrada carroçável que testemunhamos na atualidade em Tangará da Serra. Do centro à periferia o quadro é aterrador.

Em qualquer direção, é impossível se pilotar um veículo por 100 metros, com o piso intacto. O leito das ruas e avenidas pode substituir muito bem o Paris-Dacar.

Rally perigosíssimo.

Pior que isso é não ver ninguém liderando movimento algum pela restauração das artérias e muito menos em favor das estradas de acesso a Tangará da Serra. Nenhuma entidade se movimenta.

A sociedade civil só se manifesta em mesas de bar, resmunga da vida alheia, de seus carros, outras futilidades e nada mais.Quanta pobreza!

Dia do Jornalista

Agradeço a quantos me enviaram ontem mensagens de congratulações pelo transcurso do “Dia do Jornalista”, dizendo-lhes que continuo tentando dar o melhor de mim pela profissão.

Voto facultativo

A CCJ do Senado aprovou ontem a PEC que torna o voto facultativo para quem tem mais de 65 anos. Pela lei atual, o voto é obrigatório até 70 anos. A matéria agora vai à votação em plenário.

Operação Semana Santa

A Polícia Rodoviária Federal inicia amanhã a Operação Semana Santa, como forma de prevenir acidentes no feriadão. Os agentes estarão em todas as BRs. Em Tangará da Serra, o serviço ficará na responsabilidade da Polícia Militar.

De papo pro ar

Expediente nos órgãos públicos municipais só até hoje. Amanhã, ponto facultativo. Funcionarão apenas serviços especiais. Os servidores terão quatro dias de feriadão. Só retornam na segunda-feira, 13.

Senado: PL prevê três meses de propaganda eleitoral

A um ano e meio das eleições de 2010, o Senado desengavetou projeto de lei que aumenta para três meses o período da propaganda eleitoral gratuita em rádio e televisão. Hoje, a propaganda é veiculada nos 45 dias que antecedem as eleições. Pela proposta, ela poderá ser feita logo após as convenções partidárias, que, pela legislação, são obrigadas a ocorrer até 30 de junho.

Páscoa: prefeitura e câmara suspendem expediente

Prefeitura e Câmara de Vereadores de Tangará da Serra manterão atendimento ao público somente até ao meio dia desta quinta-feira (09). Na manhã de hoje, os chefes dos dois poderes assinaram decreto neste sentido. O expediente retornará à normalidade na próxima segunda-feira, a partir das 7h. É tempo de Páscoa.

Legislativo tangaraense realiza sessão estraordinária nesta quinta

A Câmara de Vereadores de Tangará da Serra realiza, nesta quinta-feira (09), a partir das 9h, sessão extraordinária. O evento ocorrerá como de costume, no plenário Daniel Lopes da Silva. A Assessoria de Imprensa ainda não passou para o blog, a pauta de discussão.

PSDB: governo executou menos de 1% do PAC em 2009

Estadão - Levantamento do PSDB junto ao Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi) aponta que dos cerca de R$ 20 bilhões do Orçamento da União de 2009 destinados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), apenas R$ 168,9 milhões (ou menos de 1%) foram executados no primeiro trimestre deste ano. Os dados servirão como munição para a oposição nas primeiras reuniões da Subcomissão Permanente de Acompanhamento, Fiscalização e Controle da Execução Orçamentária e Financeira do PAC, que ocorrerá amanhã na Câmara dos Deputados, em Brasília.

ONGs ligadas ao MST na mira do Senado

O MST entrou na mira da Comissão Parlamentar de Inquérito do Senado que investiga Organizações Não Governamentais (ONGs).

Em sua primeira reunião este ano, a CPI aprovou nesta terça-feira a quebra do sigilo bancário e fiscal de quatro entidades não governamentais ligadas ao MST que, juntas, receberam quase R$ 50 milhões dos cofres públicos nos últimos sete anos, de acordo com o site Contas Abertas.

A CPI suspeita de que esses recursos foram usados para "atividades ilícitas" do MST. A comissão parlamentar aprovou a quebra também do sigilo telefônico das quatro ONGs.

TCE condena ex-presidente do Legislativo de Sinop

O ex-presidente da Câmara de Sinop, José Pedro Serafini, o “Pedrinho” (PMDB), foi condenado pelo Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE), a ressarcir os cofres do município, com o montante de R$ 192,8 mil e pagar multa de 1.056 Unidades de Padrão Fiscal (UPF/MT), que hoje totaliza R$ 28,9 mil. No entanto, ainda cabe recurso. A decisão foi tomada ontem baseada no relatório da Coordenadoria de Controle e Obras e Serviços de Engenharia do TCE.

Mais redução no FPM

Muitos prefeitos preocupados com as informações dando conta que o presidente Lula deverá anunciar, agora, a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para a chamada linha branca: fogões, geladeira e máquina de lavar, isso depois de conceder a redução para carros e materias de construção. Com isso, a previsão é de mais redução também nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios. Mas o alento é que o presidente estaria procurando uma forma de ajuda aos municípios mais afetados pela redução da arrecadação.

A quem interessar possa

"Na vida tudo é relativo. Um fio de cabelo na cabeça é pouco; na sopa, é muito! "

Trânsito: o problema que não é só nosso

Por tudo quanto tenho lido, principalmente nos sites e jornais, nesses últimos dias, observo que esse problema do trânsito e do grande acúmulo de carros nas nossas ruas não é este um privilégio só nosso. Claro, nas grandes cidades ele acontece em maiores proporções.

Mas, nas cidades de porte médio, como é o nosso caso, ele já está transformado também num sério e grave atravanco a uma barreira mais na convivência entre homens e máquinas. Trata-se de um problema que deverá ser resolvido pela engenharia de tráfego.

Mas, podemos dizer tranquilamente que ele já ganhou um nome na modernidade: a mobilidade urbana. Pois é, a mobilidade urbana está atravancada no meio de nós e isso se dá exatamente por conta do conturbado trânsito.

Detendo-nos no caso particular de Tangará da Serra nesse aspecto, certamente que o Município está estudando as fórmulas que serão capazes de equacionar todos eles.

De uma coisa, nós, leigos, já temos a mais absoluta certeza: sejam quais forem as soluções propostas, todas elas deverão ser antecedidas de uma verdadeira batalha para que sejam viabilizadas.

Exatamente porque essa viabilização está na dependência de vencer e atender a muitos interesses. Aguardemos.

Financiamento de automóveis

Segundo informação no site do Banco do Brasil, no mês de março, com um montante contratado superior a R$ 370 milhões, a operação de veículos retornou ao patamar de contratação do ano de 2008. Para correntistas do BB foram contratados cerca de R$ 140 milhões e para os não-correntistas o valor foi superior a R$ 230 milhões, o que significa uma média diária superior a R$ 10 milhões.

Fies dá novo prazo para estudantes

Os aprovados no Programa Universidade para Todos (ProUni) que se candidataram a bolsa do Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) têm novo prazo, agora até o dia 27, para entrega do protocolo de inscrição. Para isso, devem ir à instituição de educação superior na qual estejam matriculados.

Para Legislativo e Executivo, foi insignificativo Dia do Jornalista

Os vereadores tangaraenses sequer se lembraram de comentar na última sessão, que nesta terça-feira (07) seria celebrado o Dia do Jornalista. Do executivo, também nenhuma mensagem. E é porque nosso prefeito Júlio César Ladeia sempre se disse um militante da imprensa tangaraense. Vai entender esses comportamentos...

Vem ai, o fim da informalidade

Atenção sorveteiros, sapateiros, costureiras, pipoqueiros, barraqueiros, ambulantes. A partir de 1º de julho, os trabalhadores informais também vão poder ser segurados da Previdência Social. Isso será possível porque terão direito ao CNPJ.

Deixam de ser informais e se transformam em micro e pequenos empresários.

O governo ainda vai definir como será o processo para a inscrição dessas novas pessoas jurídicas, que só podem faturar no máximo R$ 36 mil por ano e ter apenas um empregado.

Os custos já estão definidos. Pagando por mês só 11% do salário-mínimo, R$ 51,15, e mais uma contribuição simbólica de R$ 1 como ICMS ou de R$ 5 como ISS, os informais vão poder se transformar em micro-empreendedores individuais.

Poderão contribuir com a Previdência e ter acesso a direitos como auxílio-doença, salário-maternidade e aposentadoria.

Terão também acesso ao crédito. Segundo o IBGE, existem hoje no Brasil 10,3 milhões de pessoas trabalhando na informalidade.

Assim penso...

"Quem recusa uma lisonja é porque procura ser lisonjeado duas vezes."

François de La Rochefoucauld