14 de janeiro de 2010

O trânsito de Cáceres

Cheguei a comentar inúmeras vezes nesta página a situação caótica do trânsito de Tangará da Serra.

Mas depois de conhecer Cáceres, onde passei dois dias, cheguei à conclusão que o trânsito de nossa cidade em se comparando ao daquela cidade, ainda é um dos melhores e mais organizados de Mato Grosso.

A impressão que tive é de que nenhuma autoridade política transita pelas ruas e avenidas da velha Cáceres.

Se andassem, não permitiriam tantos quebra-molas e os chamados redutores de velocidade.

É estressante andar de carro pelas ruas dessa histórica cidade mato-grossense.

Some-se a isso que motoqueiros ainda pilotam sem capacete e motoristas sequer são lembrados sobre o importante uso do cinto de segurança.

Senhor prefeito, prezados vereadores... Essa situação do trânsito de Cáceres precisa mudar! Pensen nisso com carinho! Por favor!

Pobreza e miséria na Bolívia

Um País mergulhado na pobreza e miséria. Foi assim que ví a nossa vizinha Bolívia no início deste ano.

Há precariedade em quase tudo que se vê. Principalmente na questão infra-estrutural.

O País não tem estradas que prestem. No interior, a situação é de dá pena. O comércio da região de fronteira é raquítico.

Não há segurança pública confiável e o trânsito é um dos piores que já ví.

Por onde andei, os veículos transitam sem emplacamento. Condutores sem os recursos de segurança, como o cinto, e motoqueiros sem o capacete. É uma calamidade.

Apesar de tudo isso, ví naquele País uma gente amiga e ansiosa por dias melhores.

Muitas rádios em Tangará da Serra

Já não sei mais quantas rádios comunitárias temos em Tangará da Serra. É rádio e programação para todos os públicos e gostos. De minha parte, nada contra. Quero mesmo é que nossa cidade seja também a capital da comunicação.

Tangará: bem vista pelos de fora

É impresionante como Tangará da Serra é uma cidade bem-vista pelos municípios onde andei no decorrer de minhas férias.

A imagem que nossa cidade reflete lá fora, é de uma terra de muita prosperidade, paz e tranquilidade, lugar ideal para se viver.

Muita gente quis saber mais sobre o nosso comércio, a agropecuária e o turismo.

Com quem conversei falei de nossas riquezas e do potencial que o município oferece para quem deseja explorá-lo.

Penso que Tangará da Serra receberá como moradores nos próximos três anos, grande quantidade de pessoas de todos os lugares do Brasil e até do exterior.

Pra isso será de extrema grandeza mais investimentos em infra-estrutura e na preservação de de nossas belezas naturais.

Bibliotecas precárias

Nossas bibliotecas públicas e de instituições privadas de ensino de Tangará da Serra ainda são muito pobres de bons conteúdos. Algumas estão com materiais totalmente desatualizados. Que pena! A propósito: a biblioteca da UNEMAT está em reforma, portanto, sem nenhum atendimento.

Prédio da UNIC será desocupado

O prédio onde funciona a UNIC Norte (final da Av. Brasil) em Tangará da Serra, será desocupado em duas semanas. Deixarão de funcionar no local os cursos que outrora foram ministrados. Comentam-se que os proprietários do imóvel o porão à venda. A UNIC se concentrará apenas no prédio da região sul da cidade.

Portal fora do ar

O site da Unemat está fora do ar desde cedinho. Estou sem saber o que houve com esse importante portal da Universidade do Estado de Mato Grosso.

Nossa publicidade

Senhores agentes políticos, pré-candidatos, prefeituras etc., este Blog é uma mídia institucionalizada e de ampla aceitação no mercado.

Fiquem à vontade para veiculação de material oficial.

Contato: 65 92444690

Doutores

Dois cidadãos que habitam em Tangará da Serra concluíram seus cursos de Doutorado neste início de ano. O professor Carlos Edinei de Oliveira e o vereador Celso Vieira. À ambos, meus parabéns.

Prof. Dr.Carlos Edinei de Oliveira
Vereador Dr. Celso Vieira

Sofia completa 5 anos

Minha queridinha filha Sofia Katarine (tangaraense) está celebrando neste 14 de janeiro seus cinco aninhos de vida. Eu e sua mamãe, Caroline Silva, estamos muito felizes por esta virória. Parabéns, meu bebezinho lindo!


Com 5 anos

Com 4 anos

Mestrado em Educação

Estou feito louco debruçado sobre livros. Preparo-me para encarar no mês vindouro um seletivo de Mestrado em Educação. É dedicação total e exclusiva.

A quem interressar possa

"Obstáculo é algo que vemos quando desviamos o foco dos nossos objetivos".

Carros novos

O pátio da prefeitura de Tangará da Serra está parcialmente lotado de veículos novos. São carros adquiridos pelo município para atender os serviços das Secretarias. Muito bom.

O desempenho de Jaconias

É notório o bom desempenho que o prefeito interino de Tangará da Serra, José Jaconias da Silva, vem tendo desde que tomou posse em dezembro passado. Entendo que não deva ser fácil conduzir a administração de um município com tantas necessidades como o nosso. Mas, o Jacó vem se mostrando habilidoso em suas ações. Toca pra diante!

Assim penso...

"A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos."

Charles Chaplin

Lula está mais para Hugo que para Mandela

Ctrl C, ctrl V do blog do EVÂNIO ARAÚJO

O ditador Venezuelano Hugo Chaves prendeu os amigos que o colocou no poder, estatizou empresas, amordaçou a imprensa, apunhalou a democracia e quer se perpetuar no poder.

Lula, guardada as devidas proporções, deixou seus amigos de primeira hora pelos inimigos capitais, agride a Constituição com uma saraivada de Decretos legislando em benefício próprio e agora que calar a imprensa.

Como se nào bastasse o episódio dos caças para as forças armadas, onde deixou o lado técnico pelos encantos da mulher do Presidente frances ao escolher os ultrapasados caças daquele país,mais caro e menos eficaz, agora ameaça truncar a imprensa.

Será que teremos uma ditadura as avessas em breve, eu não duvido, a igualdade pregada por Lula inexiste, a segregação social no Brasil é tão grave quanto a racial da Africa, onde Mandela é um ícone verdadeiro sem trair as raízes.

Nota do blog: Juro que tento acreditar no pré-sal, mas a distância para a superfície é tão grande que fico imaginando as reúniões para ratear dinheiro a 6 mil metros de profundidade, no escuro e remetido por dutos para qualquer lugar do planeta. Dá arrepios só em pensar!

HAITI

Ainda não se tem ideia do número de vítimas do terremoto no Haiti. A quantidade de brasileiros atingidos também é desconhecida. Sabe-se apenas que militares cedidos por nosso País às forças de paz da ONU estão desaparecidos. Sinto muito.

A polêmica da anistia

Ao sugerir a punição aos integrantes do Regime Militar (1964/85), o governo Lula retirou do fundo do baú da história o debate sobre a Lei da Anistia que perdoou em 1979 todos os envolvidos em crimes políticos durante o período de exceção.

Para os mais jovens e que não conhecem o contexto da época é importante explicar o contexto da época.

Era a Guerra Fria e o Brasil como os demais países estava envolvido em um profundo debate idélogico no qual estavam inseridos radiciais e moderados nos dois lados.

Todos agiam como se estivessem combatendo um inimigo que estaria tramando para trazer desgraça ao país. Ambos os lados cometeram excessos.

A lei da anistia teve uma intenção pacificadora. Mesmo assim o país tem o direito de saber quem torturou em “nome da pátria”.

O problema é que os “guerrilheiros” são tratados como heróis e os torturadores como vilões. A anistia deve ser mantida, mas o assunto não pode ser esquecido.