19 de fevereiro de 2010

Quem tá enganando quem?

Pronto. Se não foi o presidente Lula quem convenceu Paulo Octávio a não renunciar ao governo de Brasília...deve ter sido a alma do ex-presidente Juscelino Kubistcheck, avô da esposa do governador em exercício do Distrito Federal, quem baixou, soprou no ouvido do genro-avô, e disse para ele cantar ‘daqui não saio, daqui ninguém me tira’...

O governador ainda democrata, que já avisou ao senador José Agripino que deixará o partido...assim, tipo um dia antes de ser expulso...combinou que renunciaria ao governo. Mas foi ao gabinete de Lula, ouviu do presidente que ele terá apoio político para governar...

E que ele ficasse, sob pena do Distrito Federal sofrer intervenção, e o governo federal ficar impedido de aprovar, no Congresso, emendas de interesses do Planalto. Assim...tudo bem mastigadinho...

E os assessores do Planalto ainda têm coragem de dizer que Lula não pediu para Paulo Octávio ficar. Ah, tá... PO, do DEM, partido que Lula ama de paixão, foi ao Planalto só tomar um cafezinho com Lula.Thaisa

Assim penso...

"Os homens não têm muito respeito pelos outros porque têm pouco até por sí próprios."


Leon Trotsky

Depois da "era Lula", partido aposta na "era PT"

O PT irá apostar na “demonização” da direita para eleger a ministra Dilma Rousseff para a Presidência da República.

Apoiado nos altos índices de popularidade do presidente Lula, o partido quer retomar o seu papel de protagonista no debate entre esquerda e direita e polarizar as eleições de 2010 em um duelo entre PT e PSDB.

Segundo a executiva nacional do PT, os desafios do partido para 2010 são a vitória na eleição presidencial e o crescimento da legenda.

Cansado de estar a reboque do presidente Lula que, com mais de 80% de popularidade, tem se posicionado acima do partido que o elegeu, o PT quer reconquistar a posição de legenda líder das esquerdas políticas no Brasil.

A tendência pode ser observada nos documentos divulgados pela Executiva Nacional petista para servir de base para os debates do 4º Congresso Nacional do PT, que acontece até amanhã (20) no Centro de Convenções em Brasília.

Nas propostas de resolução do partido, o PT deixa claro que quer retomar a “luta pela construção de hegemonia política”.Saiba mais AQUI.

Ladeia está em Tangará da Serra

O fato do dia em Tangará da Serra foi a chegada, pela manhã, do prefeito licenciado Júlio César Ladeia. Ainda lutando por sua recuperação física, ele retorna à sua cidade para passar alguns dias em casa até que seja liberada uma vaga para a continuidade de seu tratamento fisioterápico no Hospital Sara Kubitschek, em Brasília.

Dilma em Cuiabá

A ministra de Estado Chefe da Casa Civil, Dilma Roussef, chega a Cuiabá na próxima terça-feira (23.02), às 9h. Durante todo o dia, a ministra participará de reuniões e eventos juntamente com o Governador do Estado, Blairo Maggi.

Capa da nova edição do Jornal da Cultura

Clique na imagem para melhor visualização!
Em circulação a partir desta sexta-feira 19, a 11ª do Jornal da Cultura.

Prefeitura de Brasnorte lança edital de Concurso Público

Prefeito Mauro Rui

A prefeitura de Brasnorte lançou nesta quinta-feira (18), o edital do concurso público para o preenchimento de cargos em diversas áreas da estrutura administrativa.

O conteúdo completo do edital está no site da Sydcon – Tecnologia de Sistemas de Informática e Consultoria Ltda, entidade que venceu o processo licitatório, tornando-se apta a realizar o concurso público. O acesso ao edital também poderá ser feito a partir de um link no portal da prefeitura de Brasnorte (http://www.brasnorte.mt.gov.br/).

A Sydcon será o órgão responsável por todo o processo, desde a criação, aplicação e correção das provas. Ficará a cargo da instituição também a aplicação das provas práticas e divulgação dos aprovados.

As inscrições para o concurso acontecerão no período de 17 a 24 de março de 2010 e devem ser realizada pessoalmente ou por procuração na secretaria de Infra Estrutura – SINFRA, localizada na Rua Rotary Internacional, S/Nº no bairro Nosso Lar.

Para os cargos relativos ao Ensino Fundamental, o valor da inscrição será de R$ 20,00. Cargos que exigem o Ensino Médio, a inscrição custará R$ 40,00. Para se inscrever nos cargos de nível superior, a inscrição terá o valor de R$ 70,00.

Outras informações devem ser obtidas diretamente no endereço: http://www.sydcon.com.br/. Segundo o prefeito de Brasnorte, Mauro Rui Heisler, com o concurso será possível prover o município de profissionais habilitados e aptos para as funções solicitadas. “Nosso estilo de trabalho é manter um nível de seleção eficiente, visando à satisfação de nossa população”, explica Heisler.FONTE: www.brasnorte.mt.gov.br

Dilma candidata

O PT vai lançar neste sábado, oficialmente, Dilma Rousseff como pré-candidata do partido.

A quem interessar possa

"Não basta dirigir-se ao rio com a intenção de pescar; é preciso levar também a rede".

PESQUISA IBOPE

Pelo espelho do momento, a última pesquisa do Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE) realizada entre 6 e 9 de fevereiro, o pré-candidato tucano José Serra aparece com 36%, enquanto a petista Dilma Roussef surge com 25%, Ciro Gomes, do PSB, com 11% e Marina Silva (PV) com 8 pontos percentuais. Serra amplia a diferença de 5,4 pontos do instituto Sensus para 11 pontos, agora.

Na simulação de segundo turno, Serra teria 47%, crescendo 11 pontos, e Dilma 33%, crescendo 8 pontos. Uma dado que chama a atenção é o fator rejeição: Ciro 41%, seguido por Marina Silva com 39%, Dilma com 35% e Serra com 29%.

Ta ruim para todos os concorrentes. Dos entrevistados, 34% querem continuidade, 29% querem continuidade com mudanças, 25% querem continuidade apenas de alguns programas com muitas mudanças, e 10% querem a mudança total do governo.

Estes 35% que querem muitas mudanças ou mudança total são na verdade a rejeição ao governo Lula, independente de simpatias pessoais por ele. É o número mais alto nesse sentido nos dois últimos anos. Os 34% sinalizam o teto futuro de Dilma.

De acordo ainda com as projeções, sem Ciro, Serra ganha no primeiro turno. Serra 41%, Dilma 28%, Marina 10%. É o retrato do momento.

Cartilha do reeducando

A partir de agora, os presidiários de todo o país vão poder contar com uma cartilha que dará conselhos úteis de como impetrar um habeas corpus, por exemplo, ou como redigir uma petição simplificada para requerimento de um benefício.

Intitulada "Cartilha do Reeducando", o manual de 16 páginas é iniciativa do Conselho Nacional de Justiça - CNJ e será distribuído aos presos pelo grupo de monitoramento dos mutirões carcerários nos estados.

Ele informa quais são os direitos e os deveres dos presos. Nela há um formulário para requerimento de habeas corpus. Trata-se apenas de sugestão, "já que esse remédio jurídico dispensa formalidades", ressalta a cartilha.

Em sete pequenos capítulos, a Cartilha do Reeducando esclarece os deveres, direitos e garantias dos apenados e presos provisórios, "cabendo ao preso cumprir os seus deveres e respeitar as regras referentes à disciplina carcerária, e ao Estado garantir o exercício de todos esses direitos."

Também adverte sobre quais as sanções que podem ser aplicadas aos presidiários que cometem faltas. "As faltas disciplinares dificultam ou impossibilitam a obtenção de benefícios", esclarece de forma destacada o texto da cartilha.

"O isolamento, a suspensão e a restrição de direitos não poderão exceder a trinta dias, ressalvada a hipótese do regime disciplinar diferenciado", também alerta a cartilha.

MT admite falha em comunicação interna sobre norma para registro de jornalistas

O Ministério do Trabalho e Emprego confirmou que houve falhas na comunicação interna sobre a norma para a emissão de registro para jornalistas.

A orientação é de que jornalistas diplomados na área recebam a distinção “Jornalista Profissional” e os que não possuem graduação específica, “Jornalista/Decisão STF”, mas a norma não estava sendo seguida por todas as regionais do Trabalho.

O Ministério informou que o problema deve ser resolvido até o final desta semana.

O órgão acatou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que em junho de 2009 derrubou a obrigatoriedade de diploma de jornalismo para o exercício da profissão. Deste o início deste ano, o MTE passou a emitir registro para diplomados e não-diplomados na área.

A orientação oficial, no entanto, não estava sendo cumprida por algumas agências e gerências do Trabalho no interior de São Paulo.

Em Sorocaba, apenas jornalistas com graduação na área conseguiam registro. Já em Adamantina, os pedidos podiam ser feitos, mas a emissão, tanto de diplomados como não-diplomados na área, não estava liberada.Izabela Vasconcelos, de São Paulo