27 de abril de 2010

Wagner Ramos consegue obras para mais uma escola, agora em Tangará

O parlamentar lembrou que a escola foi reconstruída recentemente pelo governo, mas restou uma deficiência

Professores, pais e alunos da Escola Estadual 29 de Novembro, em Tangará da Serra, já podem contar para breve com as obras de construção do calçamento no entorno daquela unidade de ensino. A iniciativa do governo chegou à Assembleia Legislativa por meio do Ofício nº 541/2010-GAB/SEDUC/SEE, de 22.03.2010, encaminhado ao deputado Wagner Ramos (PR).

“Reportamo-nos à Indicação nº 214/2010 (de 02 de março último), de sua autoria, com solicitação para construção de calçadas na Escola Estadual 29 de Novembro, em Tangará da Serra. A obra foi acolhida por esta secretaria e aguarda dotação orçamentária e financeira para sua execução”, diz o documento.

O parlamentar lembrou que a escola foi reconstruída recentemente pelo governo, sendo transformada em uma escola modelo do estado – dotada de toda a infraestrutura necessária. “Mas, mesmo com todos os investimentos feitos pelo estado a essa escola, restou uma deficiência que vem causando transtornos e colocando em risco as vidas não só aos alunos e professores, mas a toda população que tenta trafegar por suas redondezas”, disse Wagner Ramos.

Uma das vias laterais da escola é a avenida principal do município – a Avenida Brasil, que possui um alto fluxo de veículos. O ofício da Seduc foi assinado pelo então secretário de Educação, Ságuas Moraes. O pedido está em pauta para execução da obra.

Liderança regional do Partido Republicano Progressista

Por pouco quase esqueci de compartilhar com nossos webleitores que o presidente regional do Partido Republicano Progressista PRP, bel Rubney Bito quer que este escrevinhador de província seja o coordenador da sigla nesta região de Tangará da Serra.

Minha responsabilidade, segundo o presidente, é intensificar a criação de comissões provisórias do PRP nos municípios de Sapezal, Comodoro, Campos de Júlio, Brasnorte, Juína, Campo Novo do Parecis, Santo Afonso e Porto Estrela.

Nos demais municípios o partido já está bem estruturado.

Neste caso, em qualquer uma dessas cidades citadas, se algum grupo tiver interesse na criação local do PRP, estamos abertos para o diálogo e prontos para uma visitação.

O PRP está em quase 50 municípios de Mato Grosso. Temos prefeitos, vereadores e pré-candidatos a deputado estadual e federal.

SOBRE O PRP - Nosso partido é muito forte no Nordeste do Brasil. Para se ter uma ideia de sua força e aceitação popular, só na cidade de Campina Grande (PB) temos 9 vereadores.

O Mesmo queremos fazer na região Centro-Oeste. Nas próximas eleições trabalharemos para eleger federais e estaduais. E em 2012, em todas as cidades de Mato Grosso, por exemplo, participaremos do processo eleitoral.

Para saber mais sobre o PRP visite nossa página - http://www.prp.org.br/

Exonerações até nesta sexta-feira

Cada vez mais intensos os comentários dando conta que o novo secretário municipal de Administração e Controle Interno de Tangará da Serra, Júnior Pimenta, fará uso até nesta sexta-feira, de sua "afiada navalha". Há suspense no ar. Pouca gente sabe quem serão os "cortados" nesta ação. Ressalto que qualquer que seja a ação de Pimenta, contará com nosso apoio.

Jaconias da Silva

O prefeito em exercício de Tangará da Serra, José Jaconias da Silva está mais oculto do que orelha de freira. Suas aparições públicas têm sido o mínimo possível. Para mim, coisa natural. Uma vez que é sempre isso que acontece com quem assume algum cargo importante. O povão fica em último plano. Que coisa!

'Ficha Limpa' na pauta

A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados terá esta semana na pauta de votação as mudanças do projeto da Ficha Limpa. No texto está a possibilidade de o STJ conceder recurso com efeito suspensivo a políticos condenados em segunda instância, em decisão colegiada. Na prática, a inelegibilidade ficaria suspensa até o julgamento final do recurso. Quer dizer, não valerá para as próximas eleições.

Charge do Dia


Autor: Amarildo

Sabes com quem está falando?

Em Santa Catarina, uma desembargadora usa do “sabe com quem está falando” para tentar evitar que seu filho seja punido após ser flagrado dirigindo sem habilitação e com documentação do carro atrasada. O Policial não se intimida com a desembargadora e sapeca: “A senhora então deveria dar o exemplo. A lei é igual para todos”. O vídeo está bombando no YouTube (clique aqui). Ah, se todos os policiais fossem iguais a esse…

Título via internet só até sexta-feira

DA AGÊNCIA BRASIL

Acaba nesta sexta-feira (30) o prazo para que novos eleitores solicitem seu título via internet, por meio do site do TSE.

Segundo o tribunal, o prazo acaba nesta semana para garantir que os eleitores tenham tempo hábil de comparecer a um cartório eleitoral, retirar o documento requerido na web, e votar nas eleições 2010.

Para solicitar o documento, é preciso acessar a página do TSE na internet e clicar no link Título NET, localizado na área Serviços ao Eleitor.

Depois, basta clicar no botão novo requerimento e preencher os campos do formulário digital.

Após finalizar o requerimento, o eleitor deve comparecer o cartório eleitoral indicado pelo TSE dentro de cinco dias úteis.

O eleitor deve levar documento de identidade, comprovante de endereço e, no caso dos homens, comprovante de quitação militar.

Além da solicitação de novo título de eleitor, o serviço Título NET serve para pedidos de transferência de domicílio eleitoral e alteração de dados cadastrais.

Cidadãos que não têm acesso à internet podem comparecer diretamente a um cartório eleitoral para fazer os mesmos pedidos.

Para garantir a participação nas próximas eleições, as solicitações nos cartórios devem ser feitas até o dia 5 de maio.

Presos "inofensivos" ganharão liberdade

O governo Lula planeja devolver às ruas 20% da população carcerária do país, algo em torno de 80 mil presos, como forma de enfrentar o déficit de vagas, que alcança a casa dos 180 mil. Os beneficiados trocariam as celas por pulseiras ou tornozeleiras que permitem localizá-los permanentemente. O Governo faria a seleção dos presos “inofensivos” para ter o direito.

Juscelino Kubitscheck

Não fora apenas a cassação dos seus direitos políticos e civis. Os militares que deram o golpe no ano de 1964 aqui em nosso País proibiram a Juscelino Kubitscheck de pôr os pés em Brasília. Já imaginaram?

O próprio criador daquele monumento, agora reconhecido como patrimônio da humanidade, proibido de visitar aquele chão que ele por tantas vezes por lá caminhou. Esse fato somente agora no bojo dos 50 anos de inauguração de Brasília veio à tona.

Daí que o ex-presidente passou a ser tratado como clandestino. Algumas poucas vezes ele ainda retornou à capital do País, mas em trajes literalmente de candango: chapéu de palha, roupa fubenta, vestes simples, chinelos.

Esse foi mais um exemplo que nos deixou JK, ele vítima cruel da intolerância que nos legaram aqueles que lideraram o golpe militar ocorrido no Brasil no ano de 1964.

São exemplos assim, alguns já de todos bem conhecidos e outros somente agora vindo à tona, mas que nos encorajam a dizer que o nosso País é bem maior, graças a Deus, do que quem assim agiu e buscou desviar do seu verdadeiro destino de uma nação verdadeiramente madura.

CONTADOR DE CISTERNAS

Está mais fácil para qualquer cidadão brasileiro acompanhar a execução do Programa de Cisternas do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS).

A Pasta lançou, em sua página na internet ( http://www.mds.gov.br), um contador on line que atualiza, com frequência, o número de cisternas construídas no Semiárido.

O contador mostra ainda quem é o executor: governo municipal, governo estadual ou a entidade Associação Programa Um Milhão de Cisternas (AP1MC), todos parceiros do MDS. A atualização dos dados é feita pela Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (SESAN), responsável pelo Programa Cisternas do MDS.

As informações são repassadas pelos executores dos programas toda vez que uma nova cisterna é finalizada e instalada numa residência do Semiárido. Os internautas podem consultar o número de cisternas construídas por Estados e também por Municípios.

O Programa Cisternas do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome visa o acesso, o gerenciamento e a valorização da água como direito essencial da vida e da cidadania, ampliando a compreensão e a prática da convivência sustentável e solidária com o ecossistema do Semiárido.