16 de novembro de 2010

São Joaquim permanece abandonado pelas autoridades políticas de Tangará da Serra

Estradas vicinais da região do Distrito São Joaquim, neste município, já receberam melhorias e alguns locais, cascalhamento.

Na área urbano do Distrito, porém, ainda não foi feito nenhum benefício.

As ruas continuam tomadas por mato e lixo.

O posto de saúde ainda não recebeu os remédios de uso contínuo que foram cobrados pelos moradores da comunidade.

O campo de futebol ainda não recebeu as traves e demais equipamentos para funcionar. A quadra de esportes no interior da Escola Estadual Antonio Hortolani ainda está por ser inaugurada.

A própria escola está caindo aos pedaços. Precisando com urgência de reforma e ampliação.

A Polícia Militar já está diariamente efetuando rondas policiais.

ASSEMBLEIA - Dia 5 de dezembro teremos mais uma assembleia ordinária. Na ocasião estenderemos nossas reivindicações também ao governo do estado.

Tangará ainda sem decoração natalina

As luzes do Natal começam a brilhar em lares e algumas lojas de Tangará da Serra. Nos espaços públicos, até o presente, nenhuma decoração. Tememos que nossa linda cidade não entre neste ano no clima tão esperado das festividades natalinas. Um Natal sem luzes não seria um Natal completo.

STM libera acesso de jornal a processo de Dilma

De Débora Santos, do G1

O Superior Tribunal Militar (STM) liberou nesta terça-feira (16) o acesso do jornal “Folha de S.Paulo” ao processo que, durante a ditadura militar, levou à prisão a presidente eleita, Dilma Rousseff. Por 10 votos a 1, o plenário concedeu o pedido feito pelo jornal, que havia sido impedido de conhecer os autos.

Com a decisão, o jornal poderá consultar e fazer cópias do processo, mas somente após a publicação da decisão no "Diário da Justiça", o que deve ocorrer na próxima segunda (22).

A advogada da "Folha de S.Paulo", Tais Gasparian, lamentou que a decisão tenha saído apenas depois das eleições.

“Foi uma vitória da sociedade, mais que uma vitória da 'Folha de S.Paulo'. Esses documentos históricos jamais poderiam ser subtraídos. É lamentável que o pedido tenha sido deferido pós eleições”, disse.

O julgamento sobre o caso havia sido interrompido em 19 de outubro, com placar de 2 votos a 2, por um pedido de vista da Advocacia-Geral da União (AGU).

Segundo o coordenador de Assuntos Militares da AGU, Maurício Muriack, a União deveria ter sido citada na ação.

O relator do caso no STM, ministro Marcos Torres, foi o único a votar contra o acesso do jornal aos autos. Ele entendeu que isso fere o direito à privacidade da presidente eleita. Segundo o ministro, não houve pedido de autorização a Dilma para ter acesso ao processo.

Leia mais em Superior Tribunal Militar libera acesso de jornal a processo de Dilma

"Escândalo da Saúde" cada vez mais divulgado

Manchete principal do Diário da Serra desta terça (16):

"Escândalo da Saúde: Ministério Público pede afastamento de acusados, mas morosidade do judiciário pode prejudicar processos"

Vixe nossa senhora!

Jaconias fala como se tivesse medo do prefeito

O vice-prefeito José Jaconias da Silva (PT) continua à sombra do prefeito Júlio César Ladeia. Ou seja: uma pessoa sem nenhuma luz própria. Que pena!

Sua entrevista ao Tangará Urgente, nesta terça-feira (16) só serviu para mostrar sua insegurança.

Sua fala adocicada não representou nada da realidade.

Jaconias fala como se tivesse medo de Júlio Ladeia e Zé Pequeno. Mais uma vez: que pena!

Justiça eleitoral informa que secretário de Fazenda não é eleitor de Tangará da Serra

O cartório eleitoral de Tangará da Serra informou nesta terça-feira (16) que o novo secretário municipal de Fazenda, José Martinho Filho, não tem domicílio eleitoral em nosso município.

O secretário, de acordo com a Justiça Eleitoral, é eleitor da 65 zona eleitoral, seção 18, localizada no município de Cuiabá, desde 18 de setembro de 1986.

Como a Câmara de Vereadores, Ministério Público, imprensa e a sociedade local suspeitavam, a pessoa escolhida e nomeada pelo prefeito Júlio Ladeia (PR) para o cargo de secretário de Fazenda, não tem domicílio eleitoral em nossa cidade.

Esse seria um dos requesitos impostos por Lei municipal para uma pessoa assumir posto de comando na administração.

A sociedade espera, agora, que o prefeito Ladeia exonere de imediato José Martinho. A menos que queira ser pechado de desobediente à lei do seu próprio município.

Faltam remédios de uso contínuo no Posto Central de Tangará da Serra

Cidadãos estão denunciando a falta de remédios de uso contínuo no Posto Central de Tangará da Serra.

O secretário municipal de Saúde, Júnior Schleicher, já havia confirmado essa situação ao Blog.

Na oportunidade, informou que o município estaria providenciando aquisição dos medicamentos cobrados pela população.

Todavia, passadas duas semanas, a providência pelo jeito, não foi adotada. Lamentavelmente.

Tangará precisa de mais 150 policiais para sua segurança

O tenente-coronel PM Tadeu Firme disse hoje que Tangará da Serra precisaria de imediato de pelo menos mais 150 policiais. Com mais esses homens, a cidade estaria mais segura. O detalhe é: quando teremos esses PMs nas ruas de nossa cidade....

Jovem usuária diz que é fácil comprar drogas em Tangará da Serra

Uma jovem tangaraense usuária de pasta base de cocaína, de apenas 23 anos de idade, disse agora a pouco no programa Tangará Urgente (SBT) que uma das coisas mais fáceis de se fazer na cidade, é comprar drogas.

Essa mesma jovem por pouco não teve a vida ceifada no último domingo, em acertos de dívidas relacionadas à aquisição de drogas.

Ela teve tempo de chegar a uma guarnição da PM para denunciar o que o traficante intentava fazer com ela. O criminoso foi preso em flagrante.

NOTA DO BLOG - A declaração dessa usuária é no mínimo preocupante. Isso, no nosso entendimento, deve ter uma resposta das autoridades policiais.

Brasileiros sequer lembram nomes de impostos

Cerca de 22,5% dos brasileiros não são capazes de se lembrar do nome de pelo menos um imposto pelo qual pagam. O levantamento é da Esaf (Escola Superior de Administração Fazendária), do Ministério da Fazenda (...)

Ao todo, foram entrevistadas 2.016 pessoas em 336 municípios do país em uma pesquisa de percepção dos tributos. Um dos fatores curiosos é que apenas 69% dos entrevistados declararam pagar algum tipo de imposto. Entretanto, quando foram lembrados pelo entrevistador de alguns nomes de tributos específicos, o número subiu para 84,9%.

De acordo com o estudo, o imposto mais lembrado, por 47,2% dos entrevistados, foi o IPTU (Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana). Em seguida, aparece o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), com 25,4%, e o IR (Imposto de Renda), com 25,3%.

A pesquisa divulgada ontem coincide com a marca de mais de R$ 1 trilhão atingida pelo impostômetro nesta semana. Espera-se que até o final do ano o governo arrecade R$ 1,2 trilhão em impostos.

Em estudo separado do IBPT (Instituto Brasileiro do Planejamento Tributário), que mostra a arrecadação de impostos por região, os moradores do Distrito Federal apareceram como os maiores pagadores de impostos do Brasil. Por ano, o habitante do DF paga em média R$ 20.386,20.

Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina aparecem em seguida. Nestes estados, a arrecadação "per capita" é de R$ 9.478,56; R$ 9.309,18; e R$ 5.703,44 respectivamente.

FONTE:http://www.ibpt.com.br/home/publicacao.view.php?publicacao_id=13884&PHPSESSID=abfedb3265d544793f49976fe05647f7

Fonte: Associação Empresarial de Maravilha - SC

Trabalhadora grávida é morta por atropelamento em Tangará da Serra

Registro com muito pesar a morte por atropelamento, no sábado (13), da jovem mãe e trabalhadora Eliane Santos (30), mais conhecida por "preta".

De acordo com relato de populares, Preta havia saído do Frigorífico Marfrig, onde trabalhava, e tinha acabado de chegar ao local de onde embarcaria num ônibus coletivo.

Porém, antes do coletivo que a conduziria para sua casa chegar, um homem suspeito de embriaguês jogou seu carro em direção a onde ela estava.

Não houve chance para Preta se desviar da tragédia que ceifaria sua vida e do bebe que carregava em seu ventre.

A pancada foi tão violenta que ela morreu no local.

Essa mulher trabalhadora, morta prematuramente, deixou sua mãe, Dona Rosa, duas filhas de 14 e 9 anos, e todas as mulheres do Distrito São Joaquim, onde residia, em completo luto.

Ainda de acordo com relato de populares, a pessoa que atropelou e pôs fim à vida dessa mãe-grávida-trabalhadora teria pago fiança no valor de R$ 1,5 mil e permanecido em liberdade.

Sem comentários.

Assim penso

"Só podemos falar francamente sobre nossos defeitos para aqueles que reconhecem nossas qualidades."

André Maurois

O show das garças na Serra de Tapirapuã

A repórter fotográfica e bióloga Franciele Caroline foi agraciada ontem, pela manhã, ao se dirigir com a família para o sítio, no Distrito São Joaquim, com imagens de uma enorme quantidade de garças brancas. Fez o registro para mostrar o quanto nossa região, localizada no cerrado amazônico, tem fauna riquíssima.

Essas aves descansavam sobre um vermelho barranco às margens da MT 358, entre os Distrito Progresso e São Joaquim na Serra de Tapirapuã.

A presença da fotógrafa fez com que elas se movimentassem
...voando em círculo...
...para depois retornar ao mesmo local... ...E manter o descanso. São nossas riquezas a serem preservadas

O verde que vale ouro nas terras de Tangará

Plantação de arroz...
E soja, no Distrito São Joaquim