18 de março de 2011

A deliranta delinquenta‏

E O PIOR É QUE TEM GENTE QUE AINDA CONCORDA COM ESTA AGRESSÃO INDECENTA À LÍNGUA PORTUGUESA...

Agora, o Diário Oficial da União adotou o vocábulo presidenta nos atos e despachos iniciais de Dilma Rousseff. As feministas do governo gostam de presidenta e as conservadoras (maioria) preferem presidente, já adotado por jornais, revistas e emissoras de rádio e televisão, (ainda bem).

Na verdade, a ordem partiu diretamente de Dilma: ela quer ser chamada de Presidenta. E ponto final.

Ex-candidato a vice-prefeito pela oposição se torna secretário do governo Ladeia


Nadir foi candidato a vice-prefeito
em 2008
A partir da próxima segunda-feira (21.03) a secretaria municipal de Educação e Cultura de Tangará da Serra passará a contar com um novo secretário. Nadir José Bariviera substituirá Valmiria Oenning que se afastará da pasta devido a licença maternidade.

O professor Nadir como é conhecido é Graduado em filosofia na USP (Universidade de Passo Fundo) e tem pós-graduado em Metodologia do Ensino, especialização em Gestão Escolar e curso pró-gestão do Governo do Estado.

O novo secretário interino de Educação é professor efetivo na rede estadual e municipal de ensino e atua na educação desde 1997 como professor de História. Nadir também já foi diretor e coordenador da Escola Estadual 13 de Maio e Joana D’Arc. Assessoria

Empresas com débito vão receber intimação‏



A Receita Federal vai intimar 440 mil empresas que possuem débitos com o Fisco no valor total de R$ 6 bilhões. Em uma auditoria interna realizada nas Declarações de Débitos e Créditos Tributários Federais (DCTF) entregues pelas empresas entre agosto de 2010 e janeiro deste ano, a Receita encontrou "inconsistências" nos dados que levaram a esta cobrança de tributos devidos.

Os contribuintes terão 30 dias para regularizar a situação com Fisco ou poderão ser inscritos em Dívida Ativa da União e no Cadastro Informativo de créditos não quitados do setor público federal (Cadin) do Banco Central.

TJ aposenta compulsoriamente juíza de Tangará da Serra

Wandinelma Santos: juíza aposentada

O Pleno do Tribunal de Justiça de Mato Grosso decidiu, por unanimidade, aposentar compulsoriamente a juíza de Tangará da Serra, Wandinelma Santos, por comportamento incompatível com a magistratura, entre eles, baixa produtividade.

A penalidade foi votada durante a sessão plenária de ontem (17). O caso foi levado ao Pleno pelo presidente do Tribunal, desembargador Rubens de Oliveira.

A juíza entrou para a magistratura há 12 anos e, como aposentada, receberá proventos proporcionais ao tempo de serviço.

Fim da reeleição e aumento de mandato para presidente, governador e prefeito

Brasília - A continuidade do voto obrigatório e o fim da reeleição foram aprovados nesta quinta-feira (17) pela Comissão de Reforma Política do Senado. Pela proposta, o mandato do chefe de Executivo passaria para cinco anos. O texto preserva o direito dos atuais governadores, prefeitos e da presidenta Dilma Rousseff de se reelegerem.
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) votou a favor da manutenção do voto obrigatório. “É uma posição amplamente majoritária [o mandato de cinco anos sem reeleição para o Poder Executivo], compartilhada por líderes do PT com algumas figuras do PSDB, como eu, por exemplo. Eu inclusive defendo que o mandato máximo de cinco anos seja estendido ao Poder Legislativo”, afirmou Neves.

Uma necessária reorganização do trânsito tangaraense

É inquestionável que a cidade de Tangará da Serra torce, aguarda e necessita, urgentemente, de colocar na prática uma reorganização do seu trânsito. Agora, o que se coloca como interrogação para todos é o seguinte: por onde começar? Uma primeira providência não seria adotar a municipalização do trânsito?

  Além das adequações esperadas por nós, cidadãos, também aguardamos que seja adotada uma reorganização e intensivas campanhas desenvolvidas pelo poder público objetivando conscientizar o usuário das vias: motoristas, pedestres, motoqueiros, carros, etc.