12 de maio de 2011

Dilma Rousseff disse “não” à principal bandeira de luta da Marcha dos Prefeitos

A presidente Dilma Rousseff disse “não” à principal bandeira de luta da Marcha dos Prefeitos a Brasília.

A sonhada emenda 29, que amplia os repasses da saúde para os municípios, não sairá do papel agora e muito dificilmente ganhará vida.

A presidente disse que se trata de um processo de alta complexidade, sem o devido consenso de União, Estado e Municípios.

Mas nem tudo foi perdido, uma vez que os prefeitos repetiram a manhosa romaria nos restaurantes chiques da capital federal.

Almoços e jantares foram oferecidos por deputados e senadores, em alguns casos com direito a esticar pela noite seca de Brasília (DF).