23 de maio de 2011

Atitude: PRP do MS institui comissões provisórias em assentamentos indígenas

 Dorival Betini
Na tentativa de se fortalecer visando às eleições de 2012, o PRP (Partido Republicano Progressista) se instalou até mesmo em assentamento e aldeia indígena em dois municípios estratégicos do Estado.

 
Ousado, o presidente da comissão regional provisória da legenda, Dorival Betini, criou uma comissão municipal provisória no Assentamento Itamarati, localizado na cidade de Ponta Porã, e na Aldeia Indígena, Porto Lindo, em Japorã.

Tangaraense é o grande vencedor da 3ª etapa do Campeonato Estadual de Ciclismo

Por GLOBOESPORTE.COM
 Cuiabá
 
O ciclista Renato Zoperali, de Tangará da Serra, foi o grande vencedor da 3ª etapa do Campeonato Estadual de Ciclismo, realizado neste domingo (22) na cidade do campeão. Zoperali percorreu os 105 quilômetros em 3 horas e 7 minutos.

O percurso, longo e seletivo, fez com o que os melhores ciclistas logo se destacassem sobre os demais. É o caso de José Natham, também de Tangará da Serra. Esta foi a primeira competição de Ciclismo Olímpico e primeira vitória na modalidade de Natham, que já pratica Cross Country. O garoto foi a grande revelação da categoria infanto-juvenil.

Tangará da Serra e Primavera do Leste vencem Estadual de Vôlei

Por GLOBOESPORTE.COM
Cuiabá
 
O time feminino de Tangará da Serra e o masculino de Primavera do Leste foram os campeões do Campeonato Mato-grossense de Vôlei Infanto-Juvenil realizado no final de semana. A competição teve a participação de 12 equipes femininas e 11 masculinas de várias cidades do estado.

A equipe feminina da cidade de Vera foi a vice-campeã da competição. O time de Cuiabá foi o 2º colocado da categoria masculina. A levantadora Laisla, de Tangará da Serra, a atacante Daniele e a líbero Talia, ambas jogadoras de Vera foram premiadas como as melhores da posição. O destaque da competição foi a jogadora Geane, de Cuiabá.

Rumores indicam que Meio Ambiente terá novo secretário

Luiz Alberto Pereira (PV)
Há forte comentário nos bastidores da política tangaraense focando a breve demissão do secretário municipal de Meio Ambiente, Luiz Alberto Pereira (Beto-PV), pelo prefeito em exercício José Jaconias da Silva (PT).

A Secretaria estaria sendo"negociada" para um aliado do novo prefeito, dizem.

Honestamente, meu caro amigo Beto, se fosse você, eu é que não queria mais permancer numa Secretaria sem expressão e problemas como essa que querem tirar de ti.

Pensando naquilo que você me disse lá atrás. Seja mais você e entregue essa pasta que em nada contribuiu e contribuirá com sua ascenção política em nossa cidade.

Você é um cidadão grandioso, reconhecido por todos nós como homem sério, de caráter. Competente.

Portanto, não permita sua exoneração. Antecipe-se!

Estamos todos contigo!

Dorjival Silva
Editor

Tangará da Serra vai ganhar Novo Jornal

Está previsto para estreiar na primeira semana de junho a circulação de um Novo Jornal em Tangará da Serra. Com editoração moderna, o NOVO JORNAL circulará aos domingos, trazendo uma análise completa das notícias da semana e a pauta da semana seguinte. E mais:

Editorial
Análise social
Política
Entrevistas
Economia
Esporte e lazer
Cultura e variedade
Voz dos Bairros
Espaço Cidadão
Informe Regional

O Novo Jornal contará a partir de sua estreia com o suporte de um portal na rede mundial de computadores.

Aguardem.

Até lá.

Edna Campos atiraria contra o próprio pé caso aceitasse ser secretária de Turismo

A empresária Edna Campos (PMDB) deverá rejeitar o convite para assumir a Secretaria Municipal de Turismo de Tangará da Serra, fomulado na semana passada pelo prefeito em exercício Jaconias da Silva (PT).

Edna Campos
Ao convidá-la para o cargo, Jaconias levou em conta o fato dela ser do mesmo partido político da secretária de Estado de Turismo, Teté Bezerra, esposa do deputado federal e presidente regional do PMDB, Carlos Bezerra.

Não é de agora que Jaconias da Silva busca uma aproximação com Edna Campos. Nas eleições do ano passado, por exemplo, correu nos bastidores da política tangaraense que ele teria apoiado a campanha para deputada estadual da peemedebista.

Os comentários diziam que Jaconias estava apoiando Edna em troca do apoio dela para sua candidatura a prefeito de Tangará em 2012.

Ocorre que neste momento, o que tudo indica, é que Edna Campos será candidata a prefeita com o apoio do governador Silval Barbosa e evidentemente, de Teté Bezerra e do presidente regional do PMDB, Carlos Bezerra.

Ser secretária de Turismo de Tangará da Serra em meio ao vendaval em que o município se encontra, poderia ser um tiro no pé para Edna Campos. Além de sair "queimada" por fazer parte de uma gestão tomada pelo desgaste popular.

É bom deixar bem claro. A gestão de Jaconias (PT) é a mesma gestão de Júlio Ladeia (PR).

Esquema de venda de diplomas é investigado no Mato Grosso

Um suposto esquema de venda de diplomas falsos com ramificações na Secretaria do Estado de Educação (Seduc) será investigado pela Polícia Judiciária Civil. A suspeita surgiu após o Serviço de Inteligência da Polícia Militar descobrir que 2 alunos do curso de formação de soldados tinham apresentado certificados falsificados para ingressar na corporação.

Os diplomas do Ensino Médio, atestados e históricos escolares teriam sido emitidos pela Escola Estadual João Briene de Camargo, localizada no bairro Lixeira.

Segundo o boletim de ocorrência, os alunos Adão Ramos de Souza Júnior, 24, e Andhrey de Almeida Fernandes, 23, confirmaram que compraram os documentos por R$ 500 cada.

Tangará da Serra começa a conviver com forte onda de desemprego

Rondonópolis e Tangará da Serra tiveram resultados distintos na geração de empregos, mês passado. Na maior cidade da região Sul, o saldo foi de 101 profissionais a mais trabalhando, enquanto Tangará teve resultado negativo, com 106 demitidos a mais, aponta o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados ( Caged ), com base nas contratações formais, ou seja, carteiras assinadas.

O destaque em Rondonópolis foi para o comércio, com saldo positivo de 134 trabalhadores admitidos a mais. A indústria de transformação aparece em seguida, com 45 funcionários. Na prestação de serviços, o saldo foi de 39 contratados; na indústria de transformação somou 3 a mais e, no extrativismo mineral, 1.

Reveja vídeo do Fantástico mostrando como funcionava a máfia dos remédios


Mais uma vez,   Mato grosso e Rondônia figuram entre os Estados que estariam ligados a uma gigantesca rede de corrupção, desta vez na área da saúde onde medicamentos seriam comprados com preço cinco vezes maiores do que os encontrados nas farmácias populares.