31 de maio de 2011

Dia Mundial sem tabaco

Estudantes nepaleses fazem campanha contra o cigarro. No dia 31 de maio é comemorado o Dia Mundial sem Tabaco. A data lembra a necessidade de combater o tabagismo, hábito que leva a cerca de 5 milhões de mortes anuais no planeta, segundo a OMS.

Educadores de MT cruzam os braços a partir de segunda-feira

Os profissionais da rede estadual de educação param as atividades na próxima segunda-feira por tempo indeterminado. A greve geral foi aprovada durante assembleia da categoria realizada ontem, no ginásio da Escola Estadual Presidente Médici, em Cuiabá. Mato Grosso tem hoje cerca de 30 mil profissionais da Educação, sendo 17 mil professores trabalhando em 730 escolas.

Mais de 90 municípios enviaram representantes à assembleia para discutir a campanha salarial da rede e votar a proposta encaminhada pelo governo do Estado. O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep) estima que 1,5 mil pessoas estiveram no ginásio. A greve foi aprovada por quase todos os presentes.

Cultura do ciclismo no país

A presidenta Dilma Rousseff anunciou a possibilidade de criação do que chamou de cultura do ciclismo no país. A ideia surgiu da iniciativa do projeto Caminho da Escola, em que foram doadas 30 mil bicicletas a alunos de escolas públicas. Conforme a presidenta, a bicicleta é um meio de transporte que não polui e ainda permite a prática de uma atividade física.

Nova espécie de peixe é descoberta em córrego de Tangará da Sera

Para surpresa de pesquisadores, foi isso que aconteceu em Tangará da Serra, onde uma nova espécie de lambari foi descoberta em um córrego que atravessa a área urbana do município. “Esse achado ocorreu durante as coletas do meu projeto de mestrado em Ecologia e Conservação da Biodiversidade, realizado na Universidade Federal de Mato Grosso, entre os anos de 2006 e 2007.

Um peixe de pequeno porte, com cerca de 5-6 cm foi capturado no Córrego Buriti, um afluente do córrego São José”, explica o biólogo Diones, que é mestre em Ecologia e Conservação da Biodiversidade pela UFMT. Atualmente, é doutorando do Programa de Pós-Graduação em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná, em Curitiba.