4 de janeiro de 2012

Tente entender

O PMDB, que é vice do PT no Governo Federal, caminha para se aliar em São Paulo com o DEM, que é odiado pelo PT. Ou seja, são aliados em Brasília e inimigos em São Paulo. Entende? Essa é a política brasileira de todos os dias.

Misturada Tangaraense
Na eleição indireta ocorrida em 2011, para escolha de um prefeito para Tangará da Serra, o eleitor assitiu a mistura de siglas, com uma pitada a mais: o PT se aliou ao PSDB numa tentativa desesperadora para se manter no poder.

adversário ferrenho no país e em Mato Grosso, o PT se curvou aos tucanos tangaraenses em troca de algumas secretarias e de uma liderança na Câmara de Vereadores.

A sigla que chegou a assumir titularmente a vice-prefeitura e interinamente o comando do poder executivo, para não sumir de vez no município, optou por estar sob as penas do tucanato, porém, usufruindo da sobra e água fresca cedidas pelo poder.

É claro que todas as decisões tomadas pelos partidos serão julgadas pelo eleitorado nas eleições que se aproximam. E cada um receberá o seu quinhão.

Além dos números

Do jornalista Merval Pereira na edição de ontem do jornal O Globo: “Mais importante que definir que ter o sexto Produto Interno Bruto (PIB) do mundo não significa ter um país melhor – estamos em 84° lugar no Índice de Desenvolvimento (IDH); em 88° no Índice de Desenvolvimento Educacional; ainda somos um dos mais desiguais na distribuição de renda do mundo, apesar dos avanços recentes.”

OPINIÃO: Em 2012, serão apenas três meses de atividade

O Congresso Nacional produziu pouco em 2011, e em 2012 produzirá menos ainda. A previsão negativa é sustentada pelo ano eleitoral, que deve restringir a agenda na Câmara e no Senado.

Os parlamentares terão apenas o primeiro semestre para aprovar os grandes projetos, uma vez que a segunda parte do ano será dedicada às eleições municipais.

Os congressistas, candidatos ou não, ficarão boa parte do tempo em seus Estados, para ajudar a eleger correligionários. Como o Congresso volta a ganhar ritmo somente depois do Carnaval, em março, a agenda terá de ser cumprida em três meses.

É nesse curto tempo que os parlamentares prometem aprovar projetos importantes que foram jogados do ano passado para este ano.

 No topo das prioridades estão a Lei Geral da Copa, que sequer foi apreciada pela Comissão Especial da Câmara; Código Florestal, que em 2011 foi aprovado na Câmara, mas alterado no Senado, retornando à Casa para nova apreciação; Lei dos Royalties, que redefine a divisão dos recursos provenientes da exploração do petróleo, e que interessa ao Governo Federal e aos Governos Estaduais; Fundo de Previdência Complementar do Servidor Público da União (FUNPRESP), que estava previsto para ser votado em dezembro de 2011, mas foi jogado para o início dos trabalhos de 2012; projeto do Voto Secreto, que prevê o voto aberto nas deliberações do Congresso, mas emperra na falta de vontade dos parlamentares; a tão sonhada Reforma Administrativa, prometida, mas que não saiu do papel em 2011; a proposta que prevê explicitamente o direito do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de investigar e punir juízes, que adormece no Senado e que espera ser colocado para aprovação; e a tão sonhada reforma política, que desafia o tempo e a todos.

É pouco provável que deputados e senadores limpem essa pauta, tão necessária quanto urgente.

Em 2012, são apenas três meses de atividade, apesar de o cidadão brasileiro pagar por 12 meses de trabalho dos parlamentares.

Polícia encontra 200 kg de pescado irregular em residência de Tangará da Serra

Um homem foi detido pela polícia com 200 quilos de pescado irregular, nesta segunda-feira (2), no município de Tangará da Serra. A apreensão ocorreu em uma residência localizada na cidade. O suspeito chegou a ficar detido, mas pagou fiança e foi liberado em seguida.

De acordo com a Polícia Civil, o homem confessou que pegou os peixes em terras indígenas e comercializava há muito tempo. O esquema de pesca e venda já estava sendo monitorado pela Polícia Ambiental há algumas semanas.

O pescado foi apreendido e encaminhado para a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema). O produto deve ser distribuído em entidades filantrópicas da cidade. O homem vai responder por crime ambiental, além de um processo administrativo.

Piracema
O período de proibição de pesca começou no dia 5 de novembro de 2011 nos rios das Bacias Hidrográficas do Amazonas e do Paraguai se estendendo até o dia 28 de fevereiro de 2012. Esse período corresponde à fase reprodutiva do ciclo de vida dos peixes e representa a renovação e manutenção dos estoques pesqueiros em nossos rios.

Unemat confirma novos cursos em Sinop, Alta Floresta e Tangará

Universidade do Estado de Mato Grosso ofertará a partir do segundo semestre nove cursos de graduação novos instalados em diferentes campi. Serão criadas 350 vagas no ensino superior gratuito, aumento de quase 20% no número de pessoas atendidas. Cáceres terá Medicina, Engenharia Elétrica no campus de Sinop, Direito está confirmado em Alta Floresta, Barra do Bugres e Pontes e Lacerda, Geografia em Colíder, Engenharia Civil em Tangará da Serra,  Administração em Juara e Nova Xavantina.

A implantação dos novos cursos foi feita de forma planejada a partir de pesquisa de demanda realizada pelos campi, em atendimento a áreas estratégicas para o desenvolvimento regional. "A ampliação está sendo feita de forma responsável, dentro do planejamento estratégico da Unemat e em parceria com Governo do Estado. Por isso asseguramos investimentos para os novos cursos e para os existentes, possibilitando ampliação de infraestrutura, qualificação docente e programas de bolsas", afirmou o reitor da Unemat, Adriano Silva.

Para o reitor, a sociedade de Mato Grosso será beneficiada pela expansão dos serviços oferecidos pela Universidade. "O Governo vem investindo na Unemat por entender o seu papel social e desenvolvimentista", disse.

As novas vagas serão disponibilizadas a partir do Vestibular 2012/2. Atualmente, a universidade oferece 1.800 vagas em cada vestibular semestral, para 44 cursos regulares instalados nos campi de Alta Floresta, Alto Araguaia, Barra do Bugres, Cáceres, Colíder, Juara, Luciara, Nova Xavantina, Pontes e Lacerda, Sinop e Tangará da Serra.

Criança cai da garupa de moto e acaba sendo atropelada


Uma criança de 12 anos de idade caiu da garupa da motocicleta que era pilotada pelo tio. A queda aconteceu após o piloto acelerar para se livrar de um suposto acidente. Entretanto, o garoto caiu no chão e foi atingido por um automóvel, causando vários ferimentos pelo corpo. O acidente aconteceu no bairro Dona Júlia, em Tangará da Serra.

De acordo com a PM, o motociclista não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e se recusou a falar onde estava e a quem pertencia a moto que pilotava. A motorista do veículo que atropelou a criança prestou socorro às vítimas. 

Posteriormente,  plantonistas da Unidade Mista de Saúde tiveram que chamar de novo a Polícia. Éque os envolvidos na questão discutiam no corredor do hospital após se envolverem em um acidente de trânsito. Alexandre Rolin

CERTIDÃO

A partir de hoje, as empresas e os empresários só poderão participar de licitações públicas se estiverem em dia com suas obrigações perante a Justiça do Trabalho. Para isso, as empresas devem apresentar a Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (CNDT), que será emitida gratuitamente pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), no site http://www.tst.jus.br/