2 de abril de 2012

Turista de SP desaparecido no Rio Sepotuba, em MT, é encontrado

Um pescador encontrou neste sábado (31.3) o corpo de Márcio da Silva Santos, 32 anos, desaparecido nas águas do Rio Sepotuba, no dia 3 de março. O corpo estava às margens do Rio, cerca de dois quilômetros do local do afogamento, próximo à cachoeira Salto Maciel. Equipes de buscas dos Bombeiros de Tangará da Serra percorreram 30 quilômetros de trechos do rio, que chega a cinco metros de profundidade em alguns pontos e não havia encontrado.

As buscas pelos bombeiros foram encerradas há uma semana.  Mesmo com ajuda de familiares, amigos e populares, as equipes não conseguiram localizar a vítima.   “Mesmo assim, nenhuma pista ou vestígio foi encontrado durante as buscas”, disse o comandante da Unidade, major José Carlos Barbosa.

“Encerramos a procura, devido às constantes chuvas na região, a pouca visibilidade da água e principalmente por se passar mais de duas semanas e as chances serem bem reduzidas com esse espaço de tempo, desde o desaparecimento até agora”, explica Barbosa.

Um inquérito foi aberto pela Polícia Civil para investigação. Barbosa formalizou ao delegado que acompanha o caso, o encerramento das buscas. “Se surgir novidades, voltaremos atuar na procura pela vítima”, disse.

O caso - Márcio era consultor de moda em São Bernardo do Campo (SP) e viajou a Tangará da Serra para visitar primos e tios. No começo do mês, ele foi com um grupo de pessoas até a Cachoeira Salto Maciel, no Rio Sepotuba. Uma jovem que estava com eles começou a se afogar e, de acordo com a família, Márcio tentou salvá-la, foi nesse momento que ele afundou na água.