12 de junho de 2014

Gisele Bündchen faz ensaio só com a bandeira do Brasil

O Brasil está na moda; e Gisele Bündchen também. Às vésperas da Copa do Mundo, a top brasileira foi a escolhida para estampar a capa da revista ELLE na Rússia, China, Alemanha, África do Sul, Bélgica, Grécia e Noruega.
Em seu perfil oficial no Twitter, Gisele divulgou as capas e algumas das fotos feitas para as páginas internas das publicações. Numa delas, publicada na versão alemã, a modelo aparece nua, enrolada apenas na bandeira brasileira.

PSB representa contra Dilma na Justiça Eleitoral

campos veja
Josias de Souza destaca que o PSB, partido do presidenciável Eduardo Campos, protocolou uma representação contra Dilma Rousseff no TSE. Acusa a presidente de utilizar o pronunciamento levado ao ar na noite de terça-feira, em rede nacional de rádio e tevê, para fazer propaganda eleitoral vedada por lei e atacar seus antagonistas.
Subscrita pelos advogados Ricardo Penteado e Gabriela Rollemberg, a petição reproduz trechos do pronunciamento de Dilma. Entre eles o seguinte: “No jogo que começa agora, os pessimistas já entram perdendo. Foram derrotados pela capacidade de trabalho e a determinação do povo brasileiro, que não desiste nunca”.
Para o PSB, ficou demonstrado que o discurso de Dilma não foi “uma mera prestação de contas de realizações administrativas para a Copa”. Tratou-se “de verdadeiro libelo de defesa do governo e, sobretudo, de ataque àqueles que ousaram desferir críticas aos desperdícios e descontroles
com as obras mal feitas ou inacabadas.”
O partido acusa Dilma de desviar recursos públicos “para a realização de uma propaganda política absolutamente imprópria” num ano em que ela disputa a reeleição. O partido pede que o TSE condene a presidente a pagar, “em valor máximo”, a multa prevista na Lei Eleitoral para os casos de propaganda ilegal. Coisa de R$ 25 mil. Não há prazo para o julgamento.

Ministério Público faz ação contra boatos sobre Aécio

aecio neves
O Ministério Público do Rio de Janeiro deflagrou ontem uma operação de busca e apreensão de computadores e equipamentos de pessoas que estariam difamando o senador Aécio Neves, pré-candidato do PSDB à Presidência, nas redes sociais. A ação, que contou com o apoio da Polícia Civil, ocorreu no âmbito de uma investigação dos promotores sobre uma suposta “quadrilha virtual” que estaria atuando de forma coordenada para disseminar boatos sobre a vida privada do tucano.
O MP instaurou um procedimento investigatório depois de receber uma representação do PSDB, que identificou com autorização judicial os endereços de IP (o número de registro) dos computadores dos envolvidos. Uma das máquinas estava localizada na sede da Eletrobrás no Rio de Janeiro.

As vaias ficam para o ministro dos Esportes

rebelo dilma
Nem o presidente da FIFA, Joseph Blatter, nem Dilma discursarão na abertura da Copa, nesta quinta-feira. Coube ao ministro Aldo Rebelo (Esporte) a ingrata tarefa de ser vaiado, na cerimônia de abertura.

Protetor solar não oferece proteção total contra câncer de pele

Dicas-para-aplicar-protetor-solar
Um estudo britânico recém-publicado faz um alerta para quem acha que, usando protetor solar, está totalmente protegido do câncer de pele. Segundo pesquisadores da Universidade de Manchester, não se deve confiar apenas no bloqueador como forma de prevenção de melanomas – um tipo maligno de câncer de pele.
“Os resultados ressaltam a importância de combinar o uso do protetor solar com outras medidas para proteger a cútis, como o ato de usar chapéus e roupas folgadas, além de ficar na sombra nos horários de sol forte”, afirma o professor Richard Marais, principal responsável pelo estudo.Publicada na revista Nature, a pesquisa feita em animais revelou detalhes sobre como os raios UV deixam as células epiteliais mais suscetíveis ao câncer.

Padre é suspenso por dar uma bênção na casa de um casal gay

O padre Cesar Garcia (à esquerda) com Leo Romano (de branco)
e Marcelo Trento durante evento na residência do casal
.
O padre César Garcia, de 53 anos, de Goiânia, foi afastado de suas funções religiosas – suspensão de ordem – pelo arcebispo da cidade, dom Washington Cruz, por ter dado uma benção na residência do casal homossexual Léo Romano, de 43 anos, e Marcelo Trento, de 38, no dia 20 de maio.
O padre foi comunicado na terça-feira pelo bispo de sua decisão. O padre Garcia contou que não estimulou a união homoafetiva e nem simulou o casamento entre o casal, que já está junto há onze anos. Já Léo Romano e Marcelo Trento defendem a atitude do religioso. A Arquidiocese de Goiânia confirmou o afastamento, mas diz que ele é “temporário” e que vai apurar o ocorrido.

Projeto proíbe pesquisas eleitorais fora dos padrões técnicos

pesquisa_eleitoral_09A Câmara analisa o Projeto de Lei 6037/13, do deputado José Stédile (PSB-RS), que proíbe a divulgação de sondagens ou enquetes eleitorais que não sigam os padrões técnicos definidos na legislação. Atualmente, há apenas uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre divulgação de enquetes ou sondagens eleitorais sem controle de amostra. Nesses casos, de acordo com o TSE, deverá ser informado que não se trata de pesquisa, mas de mero levantamento de opiniões contando apenas com a participação espontânea do entrevistado.
De acordo com o deputado, a resolução do TSE necessita de uma base legal clara que proíba a divulgação de consultas desse tipo à opinião pública. Para Stédile, cabe ao Congresso Nacional legislar sobre o assunto e retirando-as do processo eleitoral. O deputado acredita que as enquetes “têm sido utilizadas com muita frequencia para distorcer o processo de formação da vontade do eleitor”.