4 de agosto de 2015

Dirceu recebeu R$ 819 mil de investigadas da Lava Jato enquanto cumpria pena do mensalão

Mesmo após ter sido preso por envolvimento no escândalo do mensalão, o ex-ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu recebeu ao menos R$ 819,7 mil de empresas envolvidas no esquema de desvios de recursos da Petrobras, conforme laudo do Ministério Público Federal (MPF). O petista foi preso na manhã desta segunda-feira (3), durante a 17ª fase da Operação Lava Jato.
Condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) a sete anos e 11 meses pelo crime de corrupção ativa, Dirceu começou a cumprir pena em 15 de novembro de 2013, no Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal. Mas laudo do MPF comprova que a JD Assessoria, empresa de Dirceu, recebeu dois repasses da empresa OAS e outros 11 da UTC durante o tempo em que o ex-ministro estava na prisão. Ambas compõe o chamado “clube VIP das empreiteiras” que, segundo as investigações, fraudavam contratos com a petrolífera.
Os repasses da OAS, cada um no valor de R$ 46,9 mil, foram efetuados nos dias 11 de novembro e 5 de dezembro de 2013. Já os onze pagamentos da UTC para a JD, cada um de R$ 65,9 mil, foram feitos entre os dias 9 de dezembro de 2013 e 22 de outubro do ano passado. Além disso, Dirceu também teria recebido no período, a título de “mensalinho”, algo em torno de R$ 1,2 milhão repassado pelo lobista Milton Pascowitch, conforme delação premiada do empresário.

Economistas preveem inflação a 9,25% e recuo da economia de 1,80% este ano

inflacao11Economistas de instituições financeiras ouvidos pela pesquisa Focus do Banco Central (BC) pioraram novamente suas projeções para a inflação e a atividade econômica neste ano, mas mantiveram as estimativas para ambos os fundamentos no ano que vem.
Pela 16ª semana seguida, os economistas elevaram a previsão em relação ao IPCA, a inflação oficial do País. A taxa passou de 9,23% para 9,25% no fim deste ano. Há quatro semanas, a previsão era de que os preços registrassem uma alta de 9,04% no ano. Já a expectativa quanto ao ano que vem foi mantida pela segunda semana em 5,40%, acima do centro da meta do governo, que é de 5,40%, mas abaixo do teto de 6,5%.
Para o PIB, os economistas pioraram a projeção pela terceira semana seguida, prevendo recuo de 1,80%, ante 1,76%. Há um mês, a expectativa era de queda da atividade econômica de 1,50%. A piora se dá em um momento em que o governo reduziu a meta fiscal para este e os próximos dois anos, abrindo inclusive a possibilidade de déficit primário em 2015, sob o argumento de que está se ajustando à queda da arrecadação em meio à atividade fraca.

Nunca antes na história do Brasil se roubou tanto

No despacho da prisão do ex-ministro José Dirceu, o juiz Sérgio Moro também acolheu pedido do Ministério Público Federal e da Polícia Federal determinando o bloqueio de valores nas contas de oito investigados no limite de até R$ 20 milhões – podendo chegar a um total de R$ 160 milhões bloqueados nesta fase da operação.Nunca se roubo tanto neste País!

Polícia investiga se “atentado” ao Instituto Lula foi armação

bombaPoliciais paulistas custam a acreditar que houve mesmo um “atentado à bomba” à sede do Instituto Lula, dias atrás, e apuram inclusive se tudo não passou de “armação” de petistas para desviar a atenção da Lava Jato e das manifestações marcadas para o próximo dia 16, em todo o País, contra o governo Dilma. “Não podemos descartar nenhuma hipótese”, adverte um dos delegados envolvidos na investigação.
BOMBA DE CONVENIÊNCIA
Policiais desconfiam da bomba, caseira; do local, na calçada; e do horário do suposto atentado: nessa hora já não há ninguém no Instituto.
DESVIANDO ATENÇÕES
Em março, véspera de outra mobilização nacional contra o governo Dilma, houve “atentado” semelhante à sede do PT em Jundiaí (SP).

Cunha nega responsabilidade por pautas-bombas, mas promete instalar quatro CPIs

dilma_cunha
No retorno dos trabalhos legislativos, após o recesso parlamentar, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) negou hoje (3) ser o responsável por pautar projetos que possam causar impacto nas contas públicas, as chamadas pautas-bombas, mas garantiu que até o final desta semana serão instaladas três CPIs, entre elas a do BNDES, e na semana que vem será a vez da CPI dos fundos de pensão.
Segundo Cunha, as propostas aprovadas durante o primeiro semestre e que desagradaram o governo resultaram de emendas apresentadas no Plenário, como o caso da revisão das regras de aposentadoria, ou foram votadas diretamente no Senado, como o aumento para os servidores do Judiciário.

PMDB já se prepara para receber senador Maggi

MARCOS LEMOS

O presidente do PMDB, deputado Carlos Bezerra, se reuniu na manhã de ontem (3) com os deputados Silvano Amaral e Baiano Filho na Assembleia Legislativa para traçar estratégias visando às eleições municipais de 2016 em todo Mato Grosso e sinalizou pela possibilidade do senador Blairo Maggi já filiar a sigla ainda no mês de agosto.

A intenção das principais lideranças do PMDB é reforçar as discussões municipais com a presença do senador Blairo Maggi e filiar o mesmo antes da convenção nacional da sigla marcada para setembro próximo.

A simples sinalização a 60 dias da filiação de Blairo Maggi tornou o PMDB uma das siglas mais procuradas por novos filiados e eventuais candidatos nas próximas eleições.

Já Blairo Maggi, que assume a migração para o PMDB, aponta que: “nas próximas semanas vou decidir. Ainda não tenho uma data certa, apenas que irei”, explicou o senador mato-grossense, hoje um dos senadores mais influente em Brasília e considerado pelos estrategistas como independente e altamente politizado.

Maggi tem reafirmado em todas as conversas que mantém com aliados e seguidores que sua decisão de trocar de partido é por uma questão de inserção nacional, onde possa dar respaldo aos anseios de Mato Grosso e sua população, pois o PMDB é um partido muito mais orgânico onde as decisões são em comum acordo e não apenas tomadas por uma pessoa só.