9 de novembro de 2015

50,3% dos homicídios de mulheres no país são cometidos por familiares

O estudo "Mapa da Violência 2015: Homicídio de Mulheres", divulgado nesta segunda-feira (9), mostra que 50,3% das mortes violentas de mulheres no Brasil são cometidas por familiares e 33,2% por parceiros ou ex-parceiros.
Entre 1980 e 2013 foram assassinadas 106.093 mulheres, 4.762 só em 2013. O país tem uma taxa de 4,8 homicídios para cada 100 mil mulheres, a quinta maior do mundo, conforme dados da OMS que avaliaram um grupo de 83 países.
O estudo é de autoria do sociólogo argentino Julio Jacobo Waiselfisz, radicado no Brasil, e analisa dados oficiais nacionais, estaduais e municipais sobre óbitos femininos no Brasil entre 1980 e 2013, passando ainda por registros de atendimentos médicos.
Entre 2003 e 2013, o número de homicídios de mulheres passou de 3.937 para 4.762, aumento de 21% no período. As 4.762 mortes em 2013, último ano do estudo, representam uma média de 13 mulheres assassinadas por dia.
Na análise por estados, Roraima viu as taxas mais que quadruplicaram (343,9%). Na Paraíba, subiram 229,2%. Entre 2006, ano da promulgação da lei Maria da Penha e 2013, apenas Rondônia, Espírito Santo, Pernambuco, São Paulo e Rio de Janeiro registradas quedas nas taxas de homicídios de mulheres.
Mulheres negras
Enquanto o número de homicídio de mulheres brancas caiu 9,8% entre 2003 e 2013 (de 1.747 para 1.576), os casos envolvendo mulheres negras cresceram 54,2% no mesmo período, passando de 1.864 para 2.875.
Pequenos municípios
Os maiores índices de homicídios de mulheres são registrados nos pequenos municípios, e não nas capitais. A cidade Barcelos (AM), com uma população feminina média de 11.958, registrou 45,2 homicídios por dez mil mulheres e o primeiro da lista.
Depois, vem Alexânia (G), com uma população feminina média de 11.947, que teve 25,1% mortes de mulheres por dez mil mulheres. Sooretama (ES), com população feminina média de 11.920, teve taxa de 21,8% e aparece em terceiro na lista.
Nenhuma capital aparece no ranking das 100 cidades com maiores taxas. A primeira capital na lista é Maceió (Alagoas), em 126º lugar, que registrou uma taxa de 9,8% homicídios de mulheres por 100 mil.

Forças de segurança sitiam garimpo ilegal em Pontes e Lacerda – assista

Na semana decisiva para desintrusão do garimpo, na Serra da Borda, em Pontes e Lacerda, o clima é de tensão. Pelo menos, 40 viaturas das forças de segurança chegaram à região, neste domingo (8) e se preparam para sitiar o local. A saída pacífica dos garimpeiros será permitida até quarta (11). No dia seguinte, os policiais passam a  fazer a desocupação com uso de força, caso seja necessário. Os que resistirem poderão ser presos e ainda terão os equipamentos apreendidos. Assista ao vídeo, abaixo.

Chuvas e calor intenso geram alerta para aumento de casos


Com o início das chuvas, o acúmulo de água parada e o calor são condições perfeitas para a proliferação do mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti.

Por isso, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) intensifica o alerta, orientando os municípios sobre a importância do trabalho de prevenção e orientação. 

Já foram registrados 24.187 casos de dengue entre 1º de janeiro e 31 de outubro de 2015, segundo o Boletim Epidemiológico da Dengue. Isso representada um aumento de 130,16% em relação ao mesmo período de 2014, quando foram registrados 10.516 casos. 

Seis óbitos por dengue foram confirmados nos municípios de Cuiabá, Matupá, Sapezal, Sorriso, Juína e Rondonópolis. Cinco mortes ainda seguem em processo de investigação, aguardando o resultado do laboratório. 

Endrigo Dalcin é eleito novo presidente da Aprosoja


O produtor rural Endrigo Dalcin venceu as eleições para a presidência da Aprosoja, realizada nesta segunda-feira (9). Ele obteve 60% dos votos válidos.

Dalcin derrotou o candidato Reck Júnior, apoiado pelo vice-governador Carlos Fávaro.

“O resultado mostrou o fortalecimento e a união dos produtores do Estado. Sinalizou também que a nossa candidatura estava consolidada e que os membros da chapa são líderes em suas regiões. As bases fizeram esta eleição”, disse Dalcin.

Também foram eleitos cerca de 140 delegados dos núcleos da Aprosoja, que são os representantes da entidade junto aos agricultores. O resultado com o nome dos delegados eleitos será divulgado até quarta (11). Todos os cargos eletivos da associação são voluntários.

Juros do cheque especial permanecem estáveis em novembro, diz Procon

tumblr_ly0sboeaAJ1qeb44so1_500A taxa média de juros do cheque especial apresentou leve queda em novembro, mostra levantamento feito em sete instituições bancárias pela Fundação Procon de São Paulo. Os juros médios ficaram em 12,24% ao mês (a.m.), uma redução de 0,04 ponto percentual na comparação com o mês anterior (12,28%).
A taxa de juros do empréstimo pessoal ficou em 6,39% a.m., o que indica uma elevação de 0,12 ponto percentual em relação à apuração de outubro. Dos sete bancos analisados, três aumentaram as taxas de juros de empréstimo pessoal.

Pequenos e médios municípios encabeçam lista de feminicídios, mostra estudo

feminicidioOs pequenos e médios municípios brasileiros estão encabeçando as cidades com maior número de homicídios de mulheres no Brasil e, por isso, são necessárias políticas públicas específicas para esses locais. A afirmação é do pesquisador Julio Jacobo Waiselfisz, da Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso), autor do estudo Mapa da Violência 2015: Homicídio de Mulheres no Brasil, apresentado hoje (9) em Brasília.
Segundo ele, os 100 municípios com mais homicídios de mulheres concentram só 2% do total de assassinatos, enquanto os municípios com mais homicídios de homens concentram 15% do total de mortes. “Homicídios de homens estão mais concentrados que os de mulheres, e isso cria uma certa dificuldade de enfrentamento. Chegar aos pequenos municípios é o desafio, já que os grandes têm seus instrumentos, como as delegacias da mulher”, disse Jacobo.
Segundo o estudo, dentre os 100 municípios com mais de 10 mil habitantes do sexo feminino (com as maiores taxas médias de homicídio de mulheres/por 100 mil), as dez primeiras posições no ranking nacional são: Barcelos/AM (1º), Alexânia/GO (2º), Sooretama/ES (3º), Conde/PB (4º), Senador Pompeu/CE (5º), Buritizeiro/MG (6º), Mata de São João/BA (7º), Pilar/AL (8º), Pojuca/BA (9º) e Itacaré/BA (10º).

Professor é demitido após denúncia de racismo

racismoO professor Manoel Luiz Malaguti Barcelos Pancinha, acusado por alunos de ter cometido preconceito racial durante uma aula foi demitido do cargo pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), segundo a instituição. A informação foi divulgada pela Ufes na tarde desta segunda-feira (9). O professor não atendeu às ligações do G1.
O caso ocorreu em novembro do ano passado, durante uma aula na Ufes. Na ocasião, o professor teria dito que “detestaria ser atendido por um médico ou advogado negro”, por exemplo. Na época, os alunos protestaram contra a permanência do professor na universidade. Ele chegou a ficar suspenso por 30 dias, mas depois voltou a dar aulas normalmente.
Em entrevista ao Gazeta Online na sexta-feira (6), o professor confirmou que foi afastado das funções e que vai recorrer da decisão da reitoria. O docente recebeu o comunicado pelo Chefe de Gabinete da Reitoria da Universidade, Edebrande Cavalieri.

CPI vai debater maus-tratos a animais em rodeios e vaquejadas

vaquejadaA Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Maus-Tratos de Animais vai realizar nesta terça-feira (10) audiência pública para discutir os recorrentes maus-tratos a animais na criação, no transporte e na utilização desses animais em espetáculos como rodeio e vaquejada, por exemplo. O debate foi solicitado pelos deputados Ricardo Tripoli (PSDB-SP) e Capitão Augusto (PR-SP).
Os rodeios atualmente atraem 30 milhões de pessoas e movimentam mais de R$ 6 bilhões por ano no País. Esses festivais, assim como as vaquejadas, são combatidos por organizações de defesa dos animais e apontados como fontes de maus-tratos. No início do ano, a organização não governamental Londrina Sem Rodeio filmou cenas que mostravam animais sendo submetidos a sessões de estresse, até mesmo com choques elétricos, antes de um rodeio na cidade.

Cunha diz que vai provar no Conselho de Ética que não mentiu na CPI da Petrobras

cunha_globoO presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse hoje (9) que vai comprovar, em sua defesa no Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, que não mentiu durante depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, quando foi perguntado se ele detinha contas bancárias no exterior. Cunha responde a representação no conselho por suposta quebra de decoro parlamentar durante depoimento na CPI.
“Eu tenho a mais absoluta convicção de que o que falei na CPI [da Petrobras] vai ser comprovado pela minha defesa no Conselho de Ética. Então eu não estou preocupado com isso. Tenho absoluta convicção de que tudo que falei tem absoluta comprovação e será feita na defesa a ser apresentada. Não estou nem um pouco preocupado com isso. Eu falei a verdade. No Conselho de Ética eu vou me ater à representação”, disse.

PF pede mais prazo para inquérito contra Renan na Lava Jato

renan (1)A Polícia Federal (PF) pediu hoje (9) ao Supremo Tribunal Federal (STF) mais prazo para concluir o inquérito da Operação Lava Jato sobre o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e o deputado federal Aníbal Gomes (PMDB-CE). A investigação foi aberta em março, a partir das informações fornecidas em acordos de delação premiada.
No dia 6 de março, os inquéritos contra parlamentares foram abertos pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo, a pedido da procuradoria, com base nos depoimentos do doleiro Alberto Youssef e do ex-diretor da Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa. Ambos fizeram acordo de colaboração com a Justiça e são os principais delatores do esquema de desvios na Petrobras. São investigados no Supremo cerca de 60 políticos.

Mega-sena da República irá sortear R$ 55 milhões amanhã

mega
A Mega-Sena acumulou e pode pagar 55 milhões de reais amanhã (10) ao apostador que acertar as seis dezenas do concurso 1.759.
O concurso é o primeiro da Mega Semana da República. Os outros sorteios especiais serão na quinta-feira (12) e no sábado (14).
O sorteio será realizado às 20h (horário de Brasília), no Caminhão da Sorte da Caixa, que está estacionado no Parque do Ingá, no centro de Manacapuru (AM).
Se apenas um apostador levar o prêmio e investir todo o valor na poupança, ele terá um rendimento mensal de nada menos que 370 mil reais. A bolada também seria suficiente para quitar 50 imóveis de 950 mil reais cada e, para cada um deles, um carro de luxo.
A aposta mínima na Mega-Sena custa 3,50 reais e pode ser feita em qualquer casa lotérica do país até as 19h (horário de Brasília) desta terça-feira. Clientes da Caixa também podem apostar pelo internet banking, desde que tenham mais de 18 anos.
A Mega Semana da República é a quinta das seis semanas especiais que são realizadas ao longo do ano – as primeiras foram a Mega Semana das Mães, em maio, a Mega Semana de Férias, em julho, a Mega Semana dos Pais, em agosto, e a Mega Semana da Primavera, em setembro. A última delas será a Mega Semana de Natal, em dezembro.