4 de março de 2016

Pesquisa: 68,8% dos brasileiros não votariam em Lula

Por encomenda deste blog, o Instituto Paraná Pesquisas ouviu 2.002 eleitores com 16 ou mais anos de idade em 160 municípios de 24 Estados entre os últimos dias 28 de fevereiro e 2 de março. A margem de erro da pesquisa é de 2% para mais ou para menos.
À pergunta “Pensa em votar em Lula para presidente da República em 2018?”, eles assim responderam:
* De jeito nenhum – 68,8%
* Votaria com certeza – 16,2%
* Talvez votasse – 13,8%
* Não sabe ou não opinou – 1,2%
À pergunta “Quem foi o melhor presidente da República até agora?” (pergunta estimulada)
* Lula – 35,8%
* FHC – 33,1%
* Itamar – 9,3%
* Sarney – 6,2%
* Collor – 2,8%
* Dilma – 1,2%
* Nenhum – 6,9%
* Não sabe ou não respondeu – 4,7%
“Está sabendo das manifestações contra Dilma marcadas para o próximo dia 13?”, perguntou o instituto.
* Não – 50,2%
* Sim – 49,8%
O instituto perguntou: “Pretende comparecer às manifestações?”
* Não – 76,7%
* Sim – 12,8%
* Talvez – 9,1%
* Não sabe – 1,4%
Como terminará a Lava-Jato? (pergunta estimulada)
* Terminará em pizza – 38,1%
* Com menos condenados do que deveria – 33,5%
* Com muitos políticos, empresários e executivos condenados – 16%
* Com muitos políticos condenados – 4,8%
* Com muitos empresários e executivos condenados – 4,1%
* Não sabe ou não respondeu – 2,8%
Blog do Noblat, O Globo

‘O governo Dilma acabou’, diz Cássio Cunha Lima

cassio
O líder do PSDB, senador Cassio Cunha Lima (PB), disse nesta sexta-feira (4) que o país foi dormir perplexo com informações sobre suposta delação premiada do senador Delcídio do Amaral (PT-MS) e acordou ainda mais assustado com as notícias de que a Polícia Federal iniciou a 24ª fase da Operação Lava-Jato na casa do ex-presidente Luiz Inácio da Silva, em São Bernardo do Campo (SP).
“O governo Dilma acabou. O governo Dilma acabou não só com as esperanças a curto prazo do povo brasileiro, mas mutilou a verdade, aniquilou com a ética, destruiu concepções de governabilidade com transparência, porque tudo o que vem sendo revelado nos últimos anos — este é um processo longo, extenso, de revelações estarrecedoras — demonstra claramente que é preciso, o quanto antes, que as instituições encontrem, dentro da Constituição, amparada pela lei, uma saída para esta crise”, afirmou Cássio Cunha Lima.

Senador critica tentativa do PT de ‘vitimizar’ Lula

jose_medeiros
O senador José Medeiros (PPS-MT) rebateu em Plenário nesta sexta-feira (5) a alegação do PT de que o ex-presidente Lula é, neste momento, um “preso político”. Segundo o parlamentar, trata-se de uma tentativa de vitimização que não procede. Mais do que isso, de um ato de irresponsabilidade.
“O grande artífice disso tudo foi ele. Digo isso para quebrar o atual discurso do PT de tentar plantar na mídia a ideia de que a prisão é política e de que neste momento Lula é um preso político. Isso é de uma irresponsabilidade muito grande porque não é verdade. Lula foi a maior liderança política dos últimos tempos do Brasil. Mas o responsável por sua ascensão e queda é ele mesmo. Não é a oposição, não é a polícia, não é o Ministério Público”, afirmou.

PSB emite nota sobre agravamento da crise política

psb logoO Brasil convive nos últimos anos com uma das piores crises do período republicano, visto que se somam aspectos políticos, econômicos, federativos e, sobretudo, éticos. Desde a sua eleição, o que vemos é que o governo da presidente Dilma Rousseff perdeu a credibilidade e a capacidade de governar, impondo graves consequências para o nosso povo, que desde então sofre com a recessão, a carestia, o desemprego – uma crise social que deve ser solucionada por um governo legítimo.
O Partido Socialista Brasileiro tem se pautado pelo equilíbrio e pela determinação de defender as pautas do desenvolvimento nacional e dos interesses populares. Entretanto, os acontecimentos dos últimos meses evidenciam um quadro de deterioração ética que foge à normalidade e que leva o PSB a reafirmar a postura crítica em relação ao governo federal e marchar em definitivo para a oposição a este governo, posicionamento que deverá ser convalidado pela Executiva Nacional.
O funcionamento das instituições de Estado – Poder Judiciário, Ministério Público e Polícia Federal – deve ser respeitado em uma democracia, de modo que ninguém possa ser sacralizado e, menos ainda, vitimado simplesmente por responder a acusações que pesem contra ele, independentemente do cargo que ocupa ou que ocupou. Em uma democracia madura, ninguém se surpreende com ações dessa natureza por órgãos de Estado.
Este é um momento extremamente desafiador para todas as forças políticas do país, mas especialmente para aquelas que como nós, socialistas, querem renovar a política e contribuir para a superação deste grave momento de nossa história.
Carlos Siqueira
Presidente Nacional do PSB

“Agora estamos chegando perto do fim”, afirma Agripino sobre condução de Lula à PF

agripino_dem
Palavras do presidente do DEM e líder da oposição, senador Agripino Maia, sobre a condução do ex-presidente Lula à Polícia Federal: “Tudo o que está acontecendo produz na sociedade um misto de tristeza e confiança no futuro. Tristeza nos que tiveram sua confiança traída, mas confiança renovada nas Instituições que cumprem seu dever. Agora estamos chegando perto do fim”.

Ação mira pagamentos ao Instituto Lula

mi_14698834361526793
O Ministério Público Federal afirma que ‘ingressos e saídas’ de valores do Instituto Lula e da LILS Palestras, ligadas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, são alvos da Operação Aletheia, ápice da Lava Jato.
Segundo a Procuradoria da República, foram realizados ‘pagamentos vultosos’ de empreiteiras envolvidas no esquema Petrobrás em favor da entidade e da empresa de palestras. A ‘saída de recursos’, afirma a força-tarefa da Operação Lava Jato, beneficiou pessoas vinculadas ao PT e parentes próximos ao petista.
Nesta sexta-feira, 4, Lula foi conduzido coercitivamente – quando o investigado é levado para depor. “Investigam-se pagamentos vultosos feitos por construtoras beneficiadas no esquema Petrobrás em favor do Instituto Lula e da LILS Palestras, em razão de suspeitas levantadas pelos ingressos e saídas dos valores”, afirma a Procuradoria.

Lula é o assunto mais falado no Twitter mundial

twitter_policeCom mais de 212 mil tweets até agora, “Lula” é o termo mais falado no Twitter mundial. Deixou até “House of cards”, série do Netflix sobre os ácidos bastidores da política americana, para trás, em quarto.
Segundo a consultoria Bites, até 9h, quase 75% dos tweets sobre Lula foram publicados no Brasil. A consultoria destaca uma tendência nas mensagens: há um clima de eleição com a acirrada manifestação de grupos contrários e a favor do ex-presidente

Temer cancela compromissos após ação da PF na casa de Lula

dilma_temer
O vice-presidente, Michel Temer, decidiu cancelar os compromissos que tinha em cinco estados brasileiros desta sexta-feira (4) a domingo, segundo informou a assessoria de imprensa. Segundo a assessoria, Temer deve ficar em São Paulo durante o fim de semana.
Michel Temer chegou a viajar, na quinta (3) para Campo Grande (MS), onde tinha compromissos na manhã desta sexta. O vice-presidente não chegou, no entanto, a participar dos eventos – que eram um encontro com presidentes dos tribunais de Justiça e uma reunião na sede do PMDB no Mato Grosso do Sul.

Denúncias de ciberbullying aumentaram em mais de 500% entre 2012 e 2014

viciadointernet
As denúncias de ciberbullying aumentaram em mais de 500 por cento entre 2012 e 2014, segundo a organização não governamental Safernet. Os dados foram trazidos pela advogada especialista em direito digital Gisele Truzzi, que participou de audiência da CPI da Câmara que investiga os crimes cibernéticos.
De acordo com Gisele, a legislação atual já pune os crimes de ciberbullying, que é a intimidação sistemática praticada pela Internet, e o ciberstalking, que é a perseguição pela rede. Segundo a advogada, os dois crimes já são tipificados no Código Penal, só que agora ocorrem em meio virtual. Conforme a advogada, o ciberbullying nada mais é do que um crime contra a honra, que pode ser de três tipos: calúnia, injúria ou difamação. Já o ciberstalking seria o crime de ameaça, também já definido no Código Penal.

Jornal Nacional mostra com exclusividade Lula no Triplex

O Jornal Nacional obteve com exclusividade fotos de Lula no triplex do condomínio Solaris, no Guarujá. Na imagem, ele aparece vistoriando o apartamento 164-A ao lado de Léo Pinheiro e Roberto Moreira, da OAS.
A reportagem de 7 minutos aborda o depoimento encaminhado por Lula ao MP de São Paulo, revelado ontem aqui por O Antagonista.
Em sua defesa, os advogados do ex-presidente dizem que a OAS ofereceu o triplex, mas “Lula e Marisa avaliaram que o imóvel não se adequava às necessidades e características da família”.
O problema é que até agora a OAS não conseguiu demonstrar que ofereceu o triplex para outros eventuais compradores.
lula no tri

PT agora estuda até mesmo mudar de nome

pt_mar
A situação do PT se deteriorou tanto que um grupo de filiados, entre os quais o ex-governador gaúcho Tarso Genro e o senador Lindbergh Fatias (RJ), articula a “refundação” do partido, retomando suas origens, situando-se mais à esquerda e longe das alianças com partidos como PMDB, PP, PR e PTB. Eles continuam manipulando os fatos: atribuem a essa “má companhia” ladroagens como a do mensalão e do petrolão.

“Confirmação de denúncias contra Dilma será fundo do poço”, diz Aécio

aecio nao
O presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), disse que a eventual confirmação da delação premiada do ex-líder do governo no Senado Delcídio do Amaral (PT-MS) representará o “fundo do poço” para o país. Segundo ele, o teor da denúncia extrapola o “debate político entre oposição e governo”.
“São afirmativas extremamente graves que dizem respeito às instituições do país, ultrapassando o debate político entre oposição e governo. Se confirmadas, merecerão por parte dos brasileiros indignação e repúdio. E teremos chegado ao fundo do poço”, disse Aécio, por meio das redes sociais.

Lula é levado para depor na sede da Polícia Federal

lula-2018A Polícia Federal (PF) deflagrou a 24ª fase da Operação Lava-Jato, apelidada de Aletheia, na qual cumpre mandado de condução coercitiva contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, quando o investigado é levado a prestar depoimento de maneira forçada. O petista ainda é alvo de mandados de busca e apreensão em sua casa, em São Bernardo do Campo (SP) e no Instituto Lula, em São Paulo. Agentes também cumprem mandados na casa do filho de Lula, Fabio Luiz Lula da Silva. Um mandado de condução coercitiva também é cumprido contra o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamoto.
Há buscas também em Atibaia e Guarujá, cidades que possuem imóveis atribuídos ao ex-presidente. Em São Bernardo, são cinco mandados de busca e apreensão e dois de condução coercitiva. Em Atibaia, uma condução coercitiva e duas buscas. No Guarujá, um mandado de busca. São, ao todo, 200 policiais e 30 auditores da Receita Federal em São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia. Eles cumprem 44 mandados judiciais, sendo 33 de busca e apreensão e 11 de condução coercitiva. De acordo com a PF, “são investigados os crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, entre outros, praticados por diversas pessoas no contexto de esquema criminoso revelado e relacionado à Petrobrás”.

Polícia Federal faz operação na casa de Lula, diz jornal

A Polícia Federal faz, nesta sexta-feira, uma operação no prédio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho, Fábio Luiz Lula da Silva, o Lulinha. Segundo informações publicadas pela Folha de S. Paulo, a PF chegou à casa de Lula, em São Bernardo, às 6 da manhã e permanece no local.