21 de outubro de 2016

Réu afirma que Nadaf andava de sunga na prisão e pede perícia de sanidade; juíza nega

O ex-chefe de Gabinete de Silval Barbosa, Silvio Cesar Correa Araujo, requereu perícia de sanidade sobre o ex-secretário de Casa Civil de Mato Grosso, Pedro Jamil Nadaf. Argumentando sobre o requerimento, realizado durante audiência em processo da Operação Sodoma,  nesta sexta-feira (21), os advogados de Silvio relataram que o Nadaf costumava transitar de sunga pelo Centro de Custódia da Capital (CCC).

A defesa do ex-chefe de gabinete citou ainda a instauração de um Processo Disciplinar (PAD) contra Nadaf por ações cometidas por ele contra funcionários do CCC. Os lembrentes tentam desmoralizar as confissões feitas a Justiça.

“Não sei se é loucura, mas Pedro só andava de sunga, um dia botou uma mesa atrás da cela achando que alguém iria atacá-lo na prisão”, diz Silvio, que acrescenta. “Ninguém gosta dele”, “meu sangue não bate com o dele”. À sua defesa, Silvio disse que Pedro Nadaf beijou forçosamente uma funcionária do CCC, em outra oportunidade, fez uma cantada em inglês, usando palavras de baixo calão e ainda ameaçado um agente penintenciário dizendo: "O que é seu está guardado".

STJ nega pela terceira vez pedido de Permínio para deixar prisão em Cuiabá

O ministro Nefi Cordeiro, da Sexta Turma do Superior tribunal de Justiça, negou pedido de liberdade em habeas corpus formulado pelo ex-secretário de Educação de Mato Grosso, Permínio Pinto. A decisão foi estabelecida nesta sexta-feira (21).

Este é o terceiro pedido por liberdade negado no STJ. Os advogados do tucano seguem questionando a competência da Justiça Estadual para a condução da ação decorrente da Operação Rêmora. No Tribunal de Justiça de Mato Grosso, três procedimentos semelhantes foram negados.

Ainda na Justiça estadual, o político aguarda o exame de uma Exceção de Incompetência em face da Magistrada Selma Rosane Arruda, da Sétima Vara Criminal, responsável por conduzir seu processo.

Permínio foi preso na Operação Rêmora, no dia 20 de julho, pelo Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado (Gaeco) para apurar supostas fraudes em procedimentos licitatórios e contratos administrativos para construção e reforma de escolas públicas no âmbito da Secretaria de Estado de Educação (Seduc).

Ex-prefeito é preso em Pontes e Lacerda por favorecimento à exploração sexual de adolescentes

Rede de prostituição foi descoberta em Ibaiti, no norte pioneiro do Paraná. Marlei Ferreira Siqueira, ex-prefeito da cidade, foi preso no Mato Grosso.

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) cumpriu o último mandado de prisão da Operação Alcova, que investiga um grupo criminoso envolvido em uma rede de exploração sexual de adolescentes em Ibaiti, no norte pioneiro do Paraná. Segundo os promotores, o ex-prefeito da cidade, Marlei Ferreira Siqueira, é suspeito de participar do esquema.

Siqueira foi preso em Pontes e Lacerda(MT), na segunda-feira (17), com o apoio do Núcleo de Inteligência da Delegacia Regional do município.

Coveiro é eleito prefeito do município de Santo Afonso

O prefeito eleito de Santo Afonso (a 224 km de Cuiabá), Joabe Almeida dos Santos, “o Xiru, Índio Velho” (PSDB), foi vereador por dois mandatos. Em 2013 assumiu o cargo de secretário de Obras. Seis meses depois foi rebaixado pelo atual prefeito Venceslau Botelho de Campos (PR) a gari, depois a coveiro e, enfim, exonerado. No último dia 02 de setembro, Joabe disputou a prefeitura com Venceslau e levou a melhor.

Joabe pertencia ao grupo do atual prefeito que teria ficado com ciúmes do trabalho realizado por ele como secretário de Obras e de Transporte, e o teria rebaixado para gari, coveiro e depois o exonerado.
A trajetória do futuro prefeito e a relação dele com o atual gestor do município chama a atenção. Vereador por dois mandatos (2000-2004/ 2004-2008), “o Xiru, Índio Velho”, como gosta de ser chamado, foi eleito pela primeira vez em 2000, ficando em nono lugar na disputa da Câmara. Na sua segunda eleição, novamente para o cargo de vereador, foi o mais votado da história do município, que tem 2.511 eleitores, com 14% dos votos válidos.