24 de novembro de 2016

Professora é hospitalizada após apanhar de aluno dentro da escola


Uma professora de matemática da Escola Estadual República do Nicarágua, localizada no bairro Fazenda da Juta, zona leste de São Paulo, foi agredida por um aluno do 2º ano do Ensino Médio durante o intervalo na tarde desta quarta-feira (23).

De acordo com depoimento do marido da vítima à Agência Record, o menino estava insatisfeito com uma nota que foi digitada errada no portal de alunos.

Mesmo a professora tentando tranquilizá-lo — já que a nota seria alterada no portal em breve — o adolescente começou a agredi-la verbalmente, o que se repetiu durante alguns dias, até a tarde desta quarta-feira.

Ainda segundo o marido da vítima, durante uma discussão em sala de aula com a professora, o menino começou a xingá-la e a mulher chamou a diretora para tirá-lo da sala. Enquanto o jovem era levado para a secretaria, ele a ameaçou aos gritos diversas vezes. No entanto, quando chegou o horário do intervalo, o menino foi liberado pela diretora e foi esperar a mulher no pátio.

Quando teve a oportunidade, ele se aproximou e começou as agressões físicas (um soco na região da costela e uma "rasteira", que a fez cair de cabeça no chão). Em seguida, os funcionários ligaram para o resgate.

A professora está na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Brasil, em Santo André. Ela está com um hematoma na cabeça e com a costela trincada. O aluno foi encaminhado para o 69º DP para prestar esclarecimentos e foi liberado.

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo se posicionou sobre o caso por meio de nota. Nela, a pasta afirma que de acordo com análise de câmeras de segurança da unidade foi comprovado que o aluno deu uma rasteira na professora — o soco, de acordo com a pasta, não foi visto. Além disso, “a Diretoria de Ensino Leste 4 lamenta o fato ocorrido e informa que a professora em questão foi prontamente atendida e levada ao hospital mais próximo, acompanhada do vice-diretor da escola”.

A nota diz, ainda, que “de acordo com o regimento interno da unidade, o Conselho Escolar irá se reunir nos próximos dias para definir as medidas que serão tomadas em relação ao aluno”.
Fonte: R7


Após dizer que “queria morrer”, garota de 15 anos não resiste a acidente

Uma adolescente de 15 anos morreu em um acidente de trânsito na noite desta quarta-feira (23) no conjunto Cidade das Rosas, em São Gonçalo do Amarante, cidade da Grande Natal. Duas horas antes, em uma rede social, ela havia postado: "Eu Queria Morrer Man““ (SIC). Larissa Beatriz Dionísio de Morais estava acompanhada de um homem em uma motocicleta quando perderam o controle do veículo e colidiram em um ônibus.

Segundo a Polícia Militar, ela morreu na hora. Já o homem, sofreu ferimentos leves. O tentou falar com a família de Larissa, mão não conseguiu contato.

Na página que Larissa mantinha no Facebook, dezenas de mensagens lamentam a morte da garota. Muitas, fazem referência à postagem que ela fez momentos antes de acontecer o acidente. Uma pessoa escreveu: "Você pediu e #Deus te ouviu !! Não temas pois sabemos que estas ao lado do pai... Que Deus há tenha !!" (SIC).

Um outro postou: "As pessoas não fazem idea do quanto as palavras tem poder... !!!!#descanse_em_paz #eterna_saudades" (SIC).


Fonte: G1

10 produtos que ficaram mais caros antes da Black Friday

Para ajudar consumidores a encontrar promoções de verdade na Black Friday desta sexta-feira (25), sem descontos maquiados, o Reclame Aqui monitorou o histórico de preços de 1.200 produtos em sites de 105 varejistas. A pedido de EXAME.com, a empresa listou 10 produtos que saltaram de preço às vésperas da promoção.
A pesquisa levou em conta o comportamento dos preços entre 26 de outubro e 22 de novembro, e apontou a maior variação de cada produto nesse período. Não há garantia de que todos os produtos analisados entrarão na promoção.
Para o Reclame Aqui, subir os preços dias antes da Black Friday é uma estratégia das empresas para dar descontos irreais. “Esses produtos que aumentaram de preço podem ficar com valores menores até sexta-feira, mas não tão menores quanto o desconto prometido”, observa o diretor de marketing do site, Felipe Paniago.
A “maquiagem de preços” foi o principal motivo de reclamações de consumidores na Black Friday do ano passado. No entanto, isso não quer dizer que é impossível encontrar promoções verdadeiras, que possam valer a pena para consumidores. Segundo Paniago, há promoções boas e ruins na mesma loja online. O importante é pesquisar antes de se atirar de cabeça nos descontos.
No site Reclame Aqui na Black Friday, há variações de preços de outros produtos que não estão nesta lista. Confira a seguir dez produtos que tiveram uma grande variação de preço nas semanas anteriores à Black Friday:
1) Fogão da Electrolux, no site das Lojas Americanas
Menor preço (8 de novembro): R$ 864
Maior preço (21 de novembro): R$ 1.014
Variação de preço: 17,4%

Homem tem infarto e morre dentro de motel de luxo em Cuiabá

Um homem morreu no final da noite desta quarta-feira dentro de um motel localizado na avenida Miguel Sutil, em Cuiabá. Não foi divulgado ainda o nome dele.

Segundo informações, o homem de cerca de 50 anos teve um infarto fulminante após consumir cerveja, cigarro e drogas. Ele estava acompanhado de uma garota que informou que a morte aconteceu antes deles iniciarem o ato sexual.

A policial "Maldita" de Mato Grosso

A tenente do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso Izadora Ledur vem sendo acusada de práticas de torturas contra alunos. 

Ela é acusada por familiares e amigos de Rodrigo Claro, de 21 anos, de ter afogado o jovem por várias vezes durante um treinamento.

Um inquérito apura se a responsabilidade pela morte de Rodrigo é dessa militar.

Caso seja comprovado, o blog defende a expulsão dela da Corporação. 

Evento contra a Corrupção: Balão inflável do juiz Sergio Moro é a atração no centro de Sorriso

Um balão inflável, simbolizando um Super Homem, com o rosto do Juiz Federal Sérgio Moro, é a mais nova atração da cidade de Sorriso.
O mesmo esta inflado e exposto na avenida Blumenau, uma das principais avenidas da cidade de Sorriso e, é quase impossível alguém passar pelo local sem ele  ser notado.
Muitos desconhecem o motivo da estrutura estar no local e até em vezes acabam não reconhecendo quem é o “Herói Brasileiro” estampando no balão. Em alguns grupos de Whats pessoas chegam a acreditar ser uma alusão ao deputado “Bolsonaro”.
Sergio Moro ganhou notoriedade nacional ao conduzir com mãos firmes, a operação Lava Jato que esta desvendado esquemas  de corrupção, promovido por empreiteiros e políticos da alta cúpula brasileira, muitos deles já foram para cadeia e outros  correm o risco de irem com o desenrolar das investigações.
Na verdade o “Heroi Brasileiro”, Sergio Moro esta no município de Sorriso para divulgar um evento intitulado “10 medidas contra a corrupção”,  que consiste em um evento(palestra), com a Juíza Selma Arruda(conhecida no MT com o Moro de saia), do  Promotor Fábio Galindo e do Procurador Douglas Fisher.
O evento esta marcado para dia 28, ás 19h00, no centro de eventos Ari José Riedi, em Sorriso(Rota do Sol).
A realização do evento é uma iniciativa do  Sindicato Rural de Sorriso e os ingressos podem ser adquiridos pelo valor de R$ 100,00. Estudantes com carteira estudantil e universitários R$ 50,00. Ingressos em área vip R$ 200,00.
Maiores informações pelo fone 3544- 4205.
A renda será revertida para a APAE.
MTnoticias.net