30 de novembro de 2016

Nada de carteirada!

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou nesta terça-feira (29) que a proposta de abuso de autoridades “não é contra ninguém, é contra carteirada”.
A declaração ocorre no dia em que a presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministra Cármen Lúcia, afirmou haver tentativas de cerceamento da atuação do Judiciário e questionou a quem interessa enfraquecê-lo. Concluiu a mensagem dizendo esperar que “todos os Poderes da República” respeitem-se mutuamente.
“O Senado tem que votar temas controversos também. Não temos como ficar decidindo permanentemente sobre temas consensuais”, disse Renan.
Segundo o senador, “quem julga o abuso de autoridade é o Judiciário”. “Duvidar da eficácia da lei de abuso de autoridade é duvidar do próprio Judiciário. A lei é responsável. Todo país responsável já implantou”, continuou.
Na quinta (1), haverá no plenário do Senado mais uma rodada de discussão sobre a proposta amplamente defendida por Renan. Para o debate, ele convidou o juiz responsável pela Operação Lava Jato em Curitiba, Sergio Moro, e também o ministro do STF Gilmar Mendes. A votação está agendada para o dia 6 de dezembro.
Embora o projeto não tenha sido discutido em comissões temáticas, nem encaminhado à CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), tendo seguido direto ao plenário, Renan afirma que a proposta está sendo discutida “sem preconceitos”.
FOLHA

Dorjival Silva vende terreno de 50 mil metros quadrados no centro de Brasnorte


O corretor de imóveis Dorjival Silva (CRECI 7730) está vendendo uma excelente propriedade na área central da cidade de Brasnorte, região noroeste do Estado do Mato Grosso. O terreno tem 50 mil metros quadrados, numa área plaina, no seguimento da principal artéria da cidade, a Avenida Senador Júlio Campos.

De acordo com o corretor, além da excelente localização do imóvel outro fator atraente é o preço. “Estou negociando o metro quadrado desse terreno por um valor muito baixo em se comparando com os terrenos que já foram comercializados na avenida, algo em torno de R$ 250,00 o metro quadrado”, comenta.

Dorjival Silva disse que cobra atualmente o valor de R$ 40,00 por metro quadrado nessa área que tem à venda. “É realmente um valor muito baixo”, completa.

LOTEAMENTO  - Pelo seu tamanho e localização, o terreno pode ser utilizado para construção de loteamento, instalação de grande supermercados, Posto de Combustíveis, etc.

Dorjival Silva comenta que as pessoas interessadas em obterem mais informações sobre o terreno e até mesmo conhecê-lo podem manter contado pelos telefones 66 3592-1634 /  Whatsapp 65 996285314 – Email dorjival@gmail.com

Jovem baleado tenta se enconder de atirador dentro de creche em Tangará da Serra

Profissionais da educação e alunos de uma creche instalada no Bairro Tarumã, em Tangará da Serra, foram tomados de pânico na manhã desta quarta-feira (30).

Um jovem baleado que supostamente fugia da mira de quem o queria ver morto, pulou o muro da unidade escolar para se proteger.

O nome desse jovem e se fora preso, ainda não foi divulgado pela Polícia da cidade que tomou conhecimento do caso logo que aconteceu.

Mais informações ainda hoje. 

Selvageria da ‘esquerda’ em Brasília

Lula se candidata a apodrecer na cadeia

Lula discursou em Belo Horizonte.
Enquanto seus milicianos depredavam o Congresso – do lado de dentro e do lado de fora -, ele depredava a moral e os bons costumes.
Sobre Michel Temer, ele disse:
“Estão destruindo esse País, em 2014 só tinha 4% de pessoas desempregadas e hoje é 12% de desemprego”.
Em seguida, apresentou-se como candidato a presidente:
“Eles não vão continuar destruindo esse País. Se for necessário, eu sou candidato outra vez”.
Lula só é candidato a apodrecer na cadeia.
O Antagonista

Vândalos…! Sem educação…!!

Vândalos, desgraçados, vagabundos, sem educação... Depois querem impor moral. Que moral, seus desgraçados baderneiros comunistas?

Senado aprova de ‘goleada’ PEC do Teto

O Senado aprovou nesta terça-feira, 29, em primeiro turno, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55, que limita os gastos públicos federais à inflação. O placar foi de 61 votos a 14, confirmando a expectativa do governo. A medida ainda precisa passar por uma segunda rodada de votação na Casa, marcada para o dia 13 de dezembro. Caso aprovada, a proposta deve ser sancionada em 15 de dezembro.

NOTA DO BLOG: Excelente. Muito bom ter essa PEC aprovada.

Câmara aprova medida que pune juízes por abuso de autoridade


POR VEJA
A Câmara dos Deputados aprovou na madrugada desta quarta-feira a proposta apresentada pelo líder do PDT, Weverton Rocha (MA), que propõe punir o abuso de autoridade praticado por magistrados e membros do Ministério Público (MP). O argumento dos parlamentares para a aprovação da medida foi que não poderia se admitir no país mais “privilégios a ninguém”.
Em votação nominal, a emenda ao pacote anticorrupção foi aprovada por 313 votos a favor, 132 contrários e cinco abstenções. “Essa emenda permite que todos se comportem dentro da lei”, disse o líder do PCdoB, Daniel Almeida (BA).
A deputada Clarissa Garotinho (sem partido-RJ) citou a prisão de seu pai, o ex-governador Anthony Garotinho, como “caso emblemático” de abuso de poder. “Hoje foi com Garotinho, amanhã pode ser com qualquer um.”

‘Calada da noite’

Só DEM, PSDB, PROS e PHS liberaram suas bancadas. PPS, Rede, PV e PSOL orientaram voto não por considerem o tema inadequado para votação para não causar constrangimentos aos investigadores da Operação Lava Jato.
“Vai parecer uma retaliação ao Judiciário e aos membros do Ministério Público”, pregou o líder da Rede, Alessandro Molon (RJ). “É um erro, é inoportuno”, acrescentou o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), criticando tal votação “na calada da noite”.
NOTA DO BLOG: Apoiada a decisão da Câmara Federal