17 de outubro de 2018

URGENTE: Bolsonaro dispara e passa de 60% nas pesquisas




Bolsonaro deve ser o presidente com maior votos da história da democracia brasileira.
Diz O Antagonista:
A pesquisa exclusiva da Crusoé, realizada pelo Instituto Paraná, mostra Jair Bolsonaro com 60,9% dos votos válidos.
Fernando Haddad tem apenas 39,1%.
A vantagem de Jair Bolsonaro no primeiro turno, que já era imensa, tornou-se ainda maior.
Se os números se mantiverem assim até o dia 27, assistiremos ao maior massacre eleitoral da nossa democracia.
REJEIÇÃO
Fernando Haddad é rejeitado por 55,2% dos eleitores, diz a pesquisa da Crusoé, feita pelo Instituto Paraná.

O número dos que rejeitam Jair Bolsonaro, por outro lado, despencou 10 pontos percentuais desde a nossa última pesquisa, caindo para apenas 38%.


Adoro ver os políticos sonhando!

Taques, Blairo e Jaime: sonhadores
Findo o primeiro turno das eleições e os sonhos dos políticos sem mandato, ou recém-leitos, estão às alturas. 

Blairo Maggi que ficou caladinho na campanha toda, agora resolveu divulgar seu voto em Bolsonaro (PSL) no segundo turno. Ele sonha em permanecer no cargo. 

Ficará apenas no sonho. 

Bolsonaro já tem a pessoa certa para ocupar o Ministério da Agricultura, agora junto ao Meio Ambiente: Nabhan Garcia, presidente da União Democrática Ruralista e amigo de longa data do capitão reformado. 

E até mesmo quem foi eleito, no caso, Jaime Campos (DEM), está sonhando com uma boquinha no governo federal para abrir espaço para o suplente Fábio Garcia assumir sua vaga no senado.

Também ficará apenas no sonho.

Até mesmo o governador dorrotado Pedro Taques (PSDB), segundo as línguas fofoqueiras, divulgou que votará em Bolsonaro, também sonhando com uma salinha em algum Ministério. 

Em Tangará da Serra, o sonho de Vander Masson (PSDB), que recebeu 27.044 votos, é que o deputado eleito por sua coligação, Dr. Leonardo (SD) seja eleito prefeito de Cáceres, em 2020, para sobrar a vagar de deputado federal para ele que é primeiro suplente. 

E o projeto de Vander para em 2020 ser prefeito de Tangará da Serra, vai para as estrelas?

Adoro ver essa gente sonhando!

“O segundo turno deverá determinar o fim do PT”

Fim da linha


Almir Pazzianotto comemora o fim do PT: 

 “Durante 12 anos e alguns meses de regime petista a economia foi desbaratada; a política, aviltada; o País, desindustrializado; o Tesouro Nacional, o BNDES, o Banco do Brasil, a Caixa Econômica Federal, a Petrobrás e os fundos de pensão, saqueados. 

Torrentes de dinheiro foram canalizadas para apoiar ditaduras africanas e latino-americanas. 

Não satisfeito, usou e abusou do aparelhamento do Estado para se consolidar no governo, ao qual procura retornar com o propósito de arrebatar definitivamente o poder, como declarou José Dirceu.

O apego ao crime pode ser aferido pelo asilo concedido ao terrorista italiano Cesare Battisti pelo presidente Lula (…). 

 O segundo turno deverá determinar o fim do PT como força política, com a derrota do binômio Fernando Haddad-Manuela D’Ávila. 

Aos brasileiros respeitáveis não restará alternativa senão derrotá-lo, ainda que o remédio a alguns possa parecer amargo.” 

 Ligado a Franco Montoro e Tancredo Neves, Almir Pazzianotto foi, entre muitas outras coisas, advogado do sindicato de Lula durante a ditadura. O Antagonista