19 de junho de 2019

Sintep tem 30% de seus recursos bloqueados pela Justiça de Mato Grosso

Imagem: Olhar Direito

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Fazenda, realizou o bloqueio de 30% das receitas do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT). A medida atendeu determinação judicial expedida pelo juiz Márcio Aparecido Guedes, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Cuiabá.

No último dia 11, a pedido do Estado, o magistrado determinou o bloqueio visando garantir o custeio do transporte escolar durante o período de reposições das aulas perdidas por ocasião da greve dos professores estaduais. Parte da categoria está em greve desde o dia 27 de maio.

As receitas do sindicato são oriundas das contribuições dos servidores filiados (ativos e inativos), cujo desconto é autorizado na folha de pagamento, na porcentagem de 1% do salário.

Desta forma, com a ordem judicial, ao invés de repassar o valor integral ao sindicato, o Estado passa agora a reter 30% para garantir o cumprimento da decisão.

O Sintep recebe, em média, R$ 650 mil ao mês da contribuição descontada em folha, mais os valores dos servidores que preferem pagar via boleto, resultando em valores mensais que chegam a quase R$ 1 milhão.

'Professores Livres' largam greve da educação e deixam Sintep ainda mais fragilizado

Imagem ilustrativa

Nos últimos sete dias, boa parte das escolas estaduais de Mato Grosso que haviam aderido ao movimento grevista do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) desistiram totalmente ou em parte e retornaram às atividades.

Parte da categoria está em greve desde o dia 27 de maio.

Na segunda-feira passada (10), levantamento feito pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc) apontou que, das 767 escolas estaduais, 406 (52,94%) estavam em greve.

Outras 326 (42,5%) não haviam aderido à greve, enquanto que as 35 restantes (4,56%) estavam funcionando parcialmente. 

Já nesta segunda-feira (17), novo levantamento apontou que o número de escolas paradas diminuiu consideravelmente, passando das 406 para 356 (46,41%). Por outro lado, as escolas que continuaram a funcionar normalmente passaram de 326 para 346 (45,11%).

Avenida Brasil ganhará mais 600 vagas para estacionamentos

Avenida Brasil 

A Avenida Brasil, em Tangará da Serra, ganhará mais 600 vagas para estacionamentos, informou neste dia 18, o prefeito Fábio Martins Junqueira (MDB).

O estacionamento duplo lateral na artéria principal da cidade irá até a altura da rotatória da confluência da Avenida Brasil com a antiga Mauá.

O gramado cederá lugar ao intertravado, que é uma calçada ecológica que continuará permitindo a impermeabilidade, mas ao mesmo tempo dará oportunidade de maior limpeza no trajeto.

Não foi informado o início das obras. 



Rotary Club Tangará da Serra empossa nova diretoria dia 3 de julho

Casa da Amizade

O Rotary Club Tangará da Serra, clube de serviços à comunidade local e mundial sem fins lucrativos, promove no dia 3 de julho, reunião para empossar sua nova diretoria.

Evento será realizado às 20h, em sua sede, localizada na Rua Rotary Internacional, 1440 - Jardim Santa Lucia (conhecida Casa da Amizade).

A nova diretoria ficará à frente da entidade no período de 2019 à 2020.

Blogueiro é convidado. 
Convite ao blogueiro