14 de agosto de 2019

Estados gastaram R$ 101 bilhões para cobrir rombo da Previdência


O Tesouro infirmou hoje que o gasto total dos estados para cobrir o rombo com a Previdência foi de R$ 101,3 bilhões em 2018.

O déficit registrou um aumento de 8% em relação ao ano anterior.

“Tal crescimento é indicio do problema da insustentabilidade dos regimes de Previdência estaduais, tendo em vista o consumo cada vez maior de recursos financeiros, que poderiam estar sendo direcionados para atender e ampliar os serviços básicos exigidos pela sociedade”, diz o comunicado do Tesouro.

Ainda de acordo com o boletim, “a inclusão de estados e municípios na reforma da Previdência é fundamental para a trajetória de equilíbrio fiscal”.

Após relator enxugar o texto, MP da Liberdade Econômica é aprovada na Câmara


O plenário da Câmara dos Deputados aprovou às 23 horas desta terça-feira (13) a MP da Liberdade Econômica por 345 votos a 76.

A medida provisória traz uma série de ações para reduzir a burocracia do Estado sobre os empreendedores, e também muda alguns poucos artigos da lei trabalhista.

Os deputados ainda vão analisar destaques que podem mudar o texto. Mesmo com a MP da Liberdade Econômica aprovada na Câmara, a medida ainda precisa pelo Senado até o dia 27 deste mês para não caducar.

1.226 casos de sarampo confirmados no Brasil


O Ministério da Saúde contabilizou até o momento 1.226 casos de sarampo entre 12 de maio e 3 de agosto.

Do total, 1.220 estão concentrados em São Paulo, 4 no Rio de Janeiro, 1 na Bahia e outro, no Paraná. Há ainda outros 6.678 casos sob investigação.

Desde o início do ano, foram confirmados 1.322 pacientes com a infecção, 95% dos quais nos quatro Estados que atualmente estão em situação de surto, informa a agência UOL.

Por causa do avanço de casos, o Ministério da Saúde montou na semana passada um comitê encarregado de acompanhar diariamente a situação em todo o Brasil, o primeiro estágio para que a decretação de estado de emergência seja realizada.

A estratégia atual do governo Jair Bolsonaro é realizar vacinações de bloqueio, em que pessoas que tiveram contato com suspeitos de ter a infecção são imunizadas.