Ex-gerente diz que avisou Graça Foster sobre irregularidades na Petrobras

veninaglobo
A ex-gerente da área de Abastecimento da Petrobras Venina Velosa da Fonseca disse, em depoimento à CPI da Petrobras, ter alertado a ex-presidente da estatal Graça Foster a respeito de suspeitas de irregularidades em contratos das áreas de comunicação e engenharia da Petrobras.
Ela disse isso ao responder pergunta do deputado Altineu Côrtes (PR-RJ), um dos sub-relatores da CPI. “A senhora confirma que fez denúncias a Graça Foster?”, perguntou o deputado. “Confirmo em relação à área de comunicação e em relação aos projetos”, respondeu a depoente. “Havia irregularidades na área de comunicação da área de Abastecimento e conversei com ela sobre isso. Mostrei um resumo”, disse Venina.
Ela disse ter sido afastada das funções e ficado seis meses sem nenhuma atribuição na empresa, em uma sala sem computador, depois de fazer as denúncias. Ela disse que o mesmo aconteceu com o então gerente jurídico da estatal Fernando de Castro Sá, que apontou a interferência das empresas contratadas pela Petrobras na elaboração dos contratos e também perdeu a função. A ex-presidente da Petrobras Graça Foster negou, em depoimento à CPI, ter sido alertada por Venina.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis