Esse é um país de políticos canalhas comandados por Dilma, Lula e sua gang

Por Cristina Lôbo (G1)
Mesmo depois de dividir poder, entregando ministérios importantes a partidos aliados, a presidente Dilma Rousseff não conseguiu obter a vitória esperada nesta terça-feira (6) na sessão de votação dos vetos a projetos importantes, que acabou adiada por falta de quórum. É que o interesse de cada partido falou mais alto do que o compromisso assumido com  o Palácio do Planalto ao obter seu quinhão no poder.
Para uns, partidos como PP e PR, que juntos somam 73 deputados (39 do PP e 34 do PR) mandaram um recado ao governo. Juntos, superam o PMDB, que tem 65 deputados e responde por sete ministérios. Mas o presidente do PP, Ciro Nogueira, informa que o partido quer um compromisso da presidência do Senado de que vai colocar em votação o veto presidencial ao projeto relativo ao financiamento de campanha.

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Tangará da Serra recebe Circuito Aprosoja dia 25 de maio

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra