Esse é um país de políticos canalhas comandados por Dilma, Lula e sua gang

Por Cristina Lôbo (G1)
Mesmo depois de dividir poder, entregando ministérios importantes a partidos aliados, a presidente Dilma Rousseff não conseguiu obter a vitória esperada nesta terça-feira (6) na sessão de votação dos vetos a projetos importantes, que acabou adiada por falta de quórum. É que o interesse de cada partido falou mais alto do que o compromisso assumido com  o Palácio do Planalto ao obter seu quinhão no poder.
Para uns, partidos como PP e PR, que juntos somam 73 deputados (39 do PP e 34 do PR) mandaram um recado ao governo. Juntos, superam o PMDB, que tem 65 deputados e responde por sete ministérios. Mas o presidente do PP, Ciro Nogueira, informa que o partido quer um compromisso da presidência do Senado de que vai colocar em votação o veto presidencial ao projeto relativo ao financiamento de campanha.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis