Chuvas e calor intenso geram alerta para aumento de casos


Com o início das chuvas, o acúmulo de água parada e o calor são condições perfeitas para a proliferação do mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti.

Por isso, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) intensifica o alerta, orientando os municípios sobre a importância do trabalho de prevenção e orientação. 

Já foram registrados 24.187 casos de dengue entre 1º de janeiro e 31 de outubro de 2015, segundo o Boletim Epidemiológico da Dengue. Isso representada um aumento de 130,16% em relação ao mesmo período de 2014, quando foram registrados 10.516 casos. 

Seis óbitos por dengue foram confirmados nos municípios de Cuiabá, Matupá, Sapezal, Sorriso, Juína e Rondonópolis. Cinco mortes ainda seguem em processo de investigação, aguardando o resultado do laboratório. 

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra