Ibope revela tamanho da rejeição à CPMF

xo
São duas as principais pedras de toque de Dilma Rousseff para tentar fechar as contas e melhorar a economia no curto e no longo prazo — a volta da CPMF e a reforma da Previdência. Ambas sabidamente com alto grau de rejeição. O Ibope fez uma pesquisa nacional inédita entre os dias 16 e 20 de janeiro para saber o que o brasileiro acha do retorno da CPMF, extinta em 2007.
O resultado mostra que a impopular Dilma terá que gastar muita saliva para convencer a população da importância do tributo. Apenas 17% dos 2002 entrevistados se declararam favoráveis, enquanto 75% são contra (8% dos ouvidos não responderam).

Por Lauro Jardim

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra