Everton Carlos da Silva é morto ao tentar assaltar Banco do Brasil de Tangará da Serra - FOTOS



Everton Carlos da Silva de 23 anos foi morto numa tentativa mal sucedida de assaltar a agência do Banco do Brasil em Tangará da Serra, na tarde desta quinta-feira (25), por volta das 14h00min.

De acordo com informações dadas por testemunhas, o homem teria tentado tomar um malote das mãos de um segurança e acabou sendo alvejado por um disparo de uma arma de fogo calibre 12. Seguranças de uma empresa de carros-fortes que transportavam malotes para agência teriam efetuado os disparos certeiros que atingiram Everton na cabeça. Uma testemunha relatou os momentos tensos que passou ao ouvir o tiroteio

"Primeiro eu vi quatro pessoas. Eu vi dois correndo e na hora que o tiro pegou um já caiu e aconteceu isso. Depois não consegui ver mais nada porque saí correndo muito apovorado. Eles já estavam tentando assaltar o banco porque o carro forte chegou na hora. Pude ver quatro pessoas, duas saíram correndo.", contou.

O local foi isolado pela Polícia Militar e Guarda Municipal e rapidamente ficou arrodeado por curiosos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado para atender a duas pessoas que passaram mal com a tensão gerada pelo momento. Segundo informações da equipe médica, trata-se de um homem e uma gestante que foram encaminhados ao Hospital Municipal e passam bem.

As equipes da Polícia Civil e POLITEC estiveram no local para realizar a perícia e o caso agora será investigado. O Major Vanilson da Polícia Militar deu maiores detalhes: "No momento em que os seguranças estavam recompondo os caixas eletrônicos, a pessoa tentou subtrair o malote. Nessa tentativa, eles entraram em luta corporal e um dos seguranças acabou efetuando um disparo, atingindo o assaltante no rosto que veio a óbito. Estamos trabalhando para averiguar se são pessoas daqui, se são de fora, se tem mais pessoas envolvidas e tentar fazer a prisão de todos.", afirmou o Major Vanilson da PM.

Os funcionários da empresa prestaram depoimento à Polícia Civil que trabalhará a partir de agora para descobrir se haviam, de fato, mais elementos envolvidos na tentativa de assalto.


O corpo de Everton Carlos Barcelos foi encaminhado ao IML. O homem era natural de Atalaia, no estado de Alagoas e segundo informações extra-oficiais, não tinha passagens pela polícia. Tangará Online

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Tangará da Serra recebe Circuito Aprosoja dia 25 de maio

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra