Notas da região noroeste de Mato Grosso

CAMPO NOVO DO PARECIS
A chuva que caiu sobre Campo Novo do Parecis nessa quinta-feira, 02 de março, voltou a causar transtornos no Bairro Jardim das Palmeiras. Na região do chamado ‘piscinão’, diversas casas foram atingidas, a avenida Ceará e ruas como a João de Barro e Gaivota viraram verdadeiros rios.
A chuva intensa começou por volta das 9h da manhã, mas o sistema de drenagem com dragas, instalado em fevereiro, trabalha para a retirada da água.
De acordo o prefeito Rafael Machado (PSD), em pouco mais de uma hora e meia, o município registrou a queda de 99,6 milímetros de chuva.
Não há informações sobre moradores desalojados.
A Defesa Civil de Mato Grosso e o Corpo de Bombeiros de Tangará da Serra, que permanecem no local desde o mês passado, acompanham a situação no bairro.

MPE X COLNIZA
A Justiça acolheu pedido liminar efetuado pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso e estabeleceu o prazo de 180 dias para que o município de Colniza, distante, encaminhe à Câmara de Vereadores anteprojeto contendo os planos Diretor e de Mobilidade Urbana. O descumprimento da decisão implicará em pagamento de multa diária no valor de R$ 1 mil.
 A medida adotada pelo Ministério Público tem como objetivo assegurar a definição de diretrizes do desenvolvimento urbano, principalmente no que se refere à posse de terras, já que em Colniza existem muitas propriedades sem registro o que tem motivado conflitos agrários, desmatamento e poluição. Outro problema crítico diz respeito à ausência de pavimentação das principais vias da cidade.

FATALIDADE EM ARIPUANÃ
Um homem morreu após ser atingido por uma árvore no momento em que fazia o corte utilizando-se de um motosserra. O acidente foi registrado por volta das 10:30 da manhã de quarta-feira (1), na área rural de Aripuanã, em um sítio na Linha 01 em Conselvan, onde a vítima morava.
 De acordo com informações de familiares, Matheus Alves de Souza, de 32 anos, estava trabalhando em sua propriedade quando foi atingido pela árvore na região da cabeça e não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito no local.
O corpo de Matheus Alves de Souza foi velado na Capela da Saudade e sepultado na tarde de quinta-feira, dia 2 de fevereiro, no Cemitério Municipal de Aripuanã.

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis