Esqueceu o celular no banheiro da escola e vejam o que fizeram com fotos íntimas dela


Da Redação

Uma adolescente de 17 anos teve fotos íntimas vazadas por meio de aplicativos de celular e uma página de relacionamento da internet depois de ter o telefone furtado. O caso foi comunicado a Polícia Civil por parte de familiares dela.

Segundo informações do site Ubiratã 24 Horas, a jovem esqueceu o celular no banheiro do colégio onde estuda. Ela retornou ao local pouco depois, mas não encontrou mais o aparelho.

Dias depois, vazaram as fotos íntimas da garota. Nas imagens, aparentemente tiradas pela própria jovem, ela aparece despida em diferentes locais de uma residência. Numa delas, está tomando banho.
As imagens foram compartilhadas rapidamente e geraram repercussão na cidade.  Também foram divulgados print’s de conversas íntimas mantidas entre a proprietária do celular e um suposto namorado.

Na quinta-feira, a adolescente procurou a delegacia para registrar um boletim de ocorrência do furto de seu aparelho celular. Em depoimento ela afirmou ter esquecido o aparelho, porém ao retornar minutos depois o equipamento já havia sido subtraído.

O que chama a atenção neste caso é que a vítima não comunicou a existência e muito menos a publicação das imagens. Mesmo diante da omissão de informações o caso é apurado pela polícia. Por se tratar de uma menor, as investigações estão em sigilo.

Crime Federal

O armazenamento e/ou divulgação de imagens eróticas de crianças e adolescentes é considerado crime pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). A lei federal 12.737 prevê pena de até seis anos de reclusão para quem for preso em flagrante delito.

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Tangará da Serra recebe Circuito Aprosoja dia 25 de maio

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra