Ministro nega liberdade e Silval Barbosa continua na cadeia até 2016

Ministro nega liberdade e Silval Barbosa continua na cadeia até 2016
 O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, negou pedido de liberdade em Habeas Corpus do ex-governador de Mato Grosso, Silval da Cunha Barbosa. A decisão, datada desta sexta-feira (18), praticamente encerra as possibilidades do político ser liberado ainda em 2015: no dia 20 de dezembro será iniciado o recesso do Judiciário, perdurando até o dia 6 de janeiro, assim, prazo para interposição de um novo habeas corpus pode restar insuficiente. 

Postagens mais visitadas deste blog

Conheça os cinco traficantes presos neste domingo pela Polícia Federal em Tangará da Serra

Sábado com acidente fatal na BR 364 próximo a Diamantino

Cecilia Gabriella,15 anos, é morta com 22 facadas em Campo Novo do Parecis